Reviews Séries & TV 

The Expanse | Review: 6×06 – Babylon’s Ashes [Series Finale]

E chegamos ao final de toda a política e guerra possível além do cinturão… The Expanse conseguiu encerrar suas tramas políticas de forma interessante e encerrou seus dramas deixando pequenas pontas que nos faz querer ver mais, com certeza, mas que satisfaz muito bem nossas expectativas para o que foi apresentado até aqui.

ALERTA DE SPOILER!

Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos da série/filme. Continue a ler por sua conta e risco.

A série acaba focando em duas jornadas, a de Camina Drummer e seus aliados indo atacar o rastro encontrado da Pella e assim destruir Inaro, enquanto Holden e a Roncinante buscam invadir o anel e tomar para si a Medina, assim voltando a ter controle sobre as passagens pelo anel e as colônias para além dos mesmos. A questão é que Inaro é esperto e se esconde em um cargueiro, criando uma boa emboscada para Drummer.

O desenvolvimento dessa luta entre as naves tem efeitos sensacionais, e ficamos empolgados com cada movimentação em cena, e isso é algo positivo há bastante tempo em The Expanse. Acho que minha maior questão aqui foi ver a agilidade em resolver as brigas políticas com Inaro e isso levou ambos os lados a perderem homens de sua tripulação e naves inteiras.

Filip enxergou que o pai não se importa com as perdas, e somente com a vitória, podendo pouco se lixar até mesmo para sua morte, e assim ele se afasta. Já Holden, de posse da Medina, acaba acatando a ideia de Naomi, em acordar as entidades, mesmo que temporariamente, e criar uma emboscada para a Pella de Inaro, e tudo sai conforme ela esperava, com o anel ficando revolto bem quando Pella e Inaro a ultrapassam… Assim a guerra está finalizada, ao menos por enquanto…

O que vemos após isso é o lado diplomático universal com The Expanse colocando em uma mesa redonda os membros da Terra, de Marte e os Belters, com direito a Holden ter fala na mesa, e a decisão é um caminho livre, uma organização separada para tomar conta das coisas e Avassarala decide por Holden como presidente do lugar, para ele fazer história. Eu realmente não esperava ele renunciar no meio da coletiva e tornar Drummer a presidente da organização, dando aos Belters um novo motivo para confiar nas entidades Internas.

Clarissa não comentou com os outros colegas sobre seu pouco tempo de vida, e foi legal vê-la tentando compensar tantas coisas de alguma forma. Bobbie se jogando na ponte da Medina para destruir o canhão foi sensacional, assim como Amos a protegendo. Agora, Naomi é quem perdeu muito nessa guerra, mas ela não sabe que Filip conseguiu escapar da Pella no último instante, ao ver o pai comemorar uma vitória que seria inútil devido a baixas importantes.

Naomi e Holden tem uma relação muito gostosa de acompanhar e a conversa final dos dois sobre fazer a diferença foi bem pontual.

Agora, fiquei intrigado com Laconia, sentindo falta de uma maior evolução e sentido para tudo aquilo. A menina e o irmão foram embora juntos, o garoto sendo uma outra entidade e sem mostrar a que veio e o que aquilo interferiria na trama, e somente Duarte deixando claro que tinha suas próprias lutas e que não queria mais contato com o povo além do anel, muito menos com Inaro.

The Expanse | Review: 6×05 – Why We Fight

Faltou um desenvolvimento para Laconia que ficou meio jogado nos episódios, e The Expanse deixa essa brecha completamente aberta para querermos mais imersão no assunto, e espero que voltem para explorar esse lado do anel. No geral foi uma delícia acompanhar a série, a forma como misturou aventura, guerra e diplomacia foi sensacional, e até dá vontade de procurar mais dos livros de Daniel Abraham e Ty Franck, que escreveram sob o pseudônimo James S. A. Corey.

DISPONÍVEL NO(S) SEGUINTE(S) STREAMING(S):