Gina Prince-Bythewood, diretora de A Mulher Rei, negocia adaptação do livro Filhos de sangue e osso 

0
64
Try Apple TV

Em desenvolvimento na Paramount Pictures desde de 2021, a adaptação do livro Filhos de Sangue e Osso parece que finalmente vai sair.

Segundo informações, o projeto é uma das prioridades do estúdio pós greves de Hollywood e a diretora Gina Prince-Bythewood (A Mulher Rei) negocia assumir a direção do longa.

 Prince-Bythewood também vai revisar o roteiro, a última versão dele, adaptado para as telonas por Tomi Adeyemi, a autora dos livros.

A Paramount Pictures garantiu os direitos dos três livros da trilogia em uma disputa com outros streamings e estúdios. O que prevaleceu foi a cláusula que concordava com um lançamentos nos cinemas, afirma o Deadline.

Confira a sinopse do livro lançado no Brasil em 2018.

Zélie Adebola se lembra de quando o solo de Orïsha vibrava com a magia. Queimadores geravam chamas. Mareadores formavam ondas, e a mãe de Zélie, ceifadora, invocava almas. Mas tudo mudou quando a magia desapareceu. Por ordens de um rei cruel, os maji viraram alvo e foram mortos, deixando Zélie sem a mãe e as pessoas sem esperança. Agora Zélie tem uma chance de trazer a magia de volta e atacar a monarquia.

Com a ajuda de uma princesa fugitiva, Zélie deve despistar e se livrar do príncipe, que está determinado a erradicar a magia de uma vez por todas. O perigo espreita em Orïsha, onde leopanários-das-neves rondam e espíritos vingativos aguardam nas águas. Apesar disso, a maior ameaça para Zélie pode ser ela mesma, enquanto se esforça para controlar seus poderes ― e seu coração. 

O filme não tem nomes no elenco ou previsão de estreia.

Try Apple TV

Deixe uma resposta