Reviews Séries & TV 

Sharp Objects | 1×05 – Closer

Novamente Sharp Objects entrega um episódio onde os pequenos detalhes, as pequenas coisas são fundamentais para o entendimento da série. E, junto com isso, 1×05 – Closer ainda consegue trabalhar novas camadas e nuances sobre as relações cada vez mais complexas entre seus personagens.

sharp objects 1x05
Foto: HBO

Nesse episódio, caminhamos para o final de temporada, e tivemos tradições, brigas, uma grande festa no melhor estilo sulista e uma das cenas mais fortes de Sharp Objects até então, dentro de um provador de loja!

As tradições em Wind Cap já foram bastante exploradas na série mas, nada tinha sido tão explicito até então, como o Festival Calhoun Day. E claro, o episódio aproveita por ter uma festa como pano de fundo mostrar aquele ar sulista com comentários afiados, tapas de luva e claro brigas por conta do excesso de álcool.

As trocas de olhares à longa distância, as poucas, mas como falamos, afiadias frases, que às vezes, vem disfarçadas de elogios e palavras bonitas marcam esse episódio que mesmo que tenha quebrado o ritmo alucinante dos eventos que aconteceram em 1×04 – Ripe serve para criar uma trajetória para a série em trabalhar seus próximos três e últimos episódios até então.

E nada melhor que uma festa para vermos e percebemos mais de como as coisas funcionam em Wind Cap. As mulheres parecem saber mais do que aparentam, como o caso da esposa do Prefeito ou até mesmo da sempre alegre Jackie (Elizabeth Perkins sempre sensacional) onde flashbacks são usados para definir personalidades de alguns personagens (Professor de Teatro nunca nos enganou muito menos sua esposa com os olhos ágeis de um falcão).

Foto: HBO

Novamente Amy Adams e Patricia Clarkson em cenas formidáveis entre si e 1×05 – Closer é marcado novamente por duas delas. Clarkson tem aqui sua oportunidade em um episódio que podemos chamar de Emmy Tape, aquele que o ator pode separar, enviar para academia e esperar ser indicado para a premiação.

Na primeira cena que destacamos vemos o horror e sentimento de desprezo da impecável Adora ao ver o corpo da filha todo mutilado como se aquilo fosse apenas um arranhão. Mas para nós que assistimos o comportamento da matriarca fica bastante claro quando ela afirma para a filha que nunca a amou. Forte, chocante e extremante poderosas são as atuações de Clarkson e Adams.

Esse 1×05 poderia ser considerado um daqueles fillers, onde a trama principal é deixada de lado para ser contar uma hiistória à

parte, mas Sharp Objects consegue fazer uma trama tão envolvente e que nos desperta o desejo de conhecer mais sobre esses enigmáticos personagens com seus passados escuros e relações para lá de confusas.