Netflix anuncia seleção de filmes nacionais para o Dia Nacional do Cinema

0
58

A Netflix anunciou que mais de 15 filmes nacionais vão entrar na plataforma em junho para as comemorações do Dia Nacional do Cinema.

A data, celebrada no dia 19, comemora a indústria brasileira e a Netflix separou alguns projetos de destaque, entre filmes e documentários como Central do Brasil (1998), Vidas Secas (1963) e Pacarrete (2019).

Confira a lista liberada pela plataforma.

Simplesmente Cinema Brasileiro – Filmes Nacionais na Netflix que chegam em 19 de junho.

Central do Brasil

Dora escreve cartas para analfabetos na famosa estação de trem no Rio de Janeiro e decide ajudar um menino de nove anos a encontrar o pai.

São Paulo S/A

No final dos anos 1950, um jovem de classe média se torna gerente de uma fábrica de autopeças. Insatisfeito e sem perspectivas de mudança, ele decide fugir.

Rio, 40 Graus

Um dia na vida de cinco garotos de uma comunidade que, em um domingo tipicamente carioca de sol escaldante, vendem amendoim em Copacabana, no Pão de Açúcar e no Maracanã.

Vidas Secas (19/06/2024) –

Quando a vida dura de uma família enfim parece melhorar, o destino os derruba de novo e coloca em risco a sobrevivência deles.

Jogo de Cena (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Atendendo a um anúncio de jornal, 83 mulheres contaram suas histórias de vida. Em 2006, algumas delas foram selecionadas e interpretadas por várias atrizes.

Terra Estrangeira (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Cansado de viver na pobreza em São Paulo, Paco aceita um trabalho duvidoso e vai a Portugal com diamantes brutos. Mas quando o negócio dá errado, ele tem que fugir de um criminoso.

Mutum (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Nascido em uma família rural que leva uma vida difícil, Thiago tenta entender as brigas entre os adultos ao seu redor neste drama lírico sobre amadurecimento.

Santo Forte (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Este documentário analisa as religiões praticadas no Brasil, acompanhando as experiências de moradores da favela Vila Parque da Cidade, no Rio de Janeiro.

A Luz do Tom (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Baseado no livro de Helena Jobim, o filme apresenta um retrato afetivo de Tom Jobim, narrado por três mulheres que o acompanharam ao longo de sua vida.

Entreatos (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Acompanhe os bastidores da campanha presidencial de Luiz Inácio Lula da Silva, de 25 de setembro a 27 de outubro de 2002.

Uma Noite em 67 (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Este filme acompanha o 3º Festival de Música Popular Brasileira, realizado em outubro de 1967, com nomes como Chico Buarque, Caetano Veloso, Gilberto Gil e Roberto Carlos.

A Ostra e o Vento (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Marcela mora com o pai em uma ilha, praticamente sem contato com o mundo exterior. Mas quando se torna adolescente, ela busca uma vida mais intensa.

As Canções (19/06/2024) -Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Pessoas comuns relembram e entoam canções que marcaram momentos importantes em suas vidas.

Últimas Conversas (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

O cineasta Eduardo Coutinho entrevista estudantes do ensino médio público do Rio de Janeiro, perguntando sobre suas vidas, sentimentos e expectativas para o futuro.

Filhos de João: O Admirável Mundo Novo Baiano (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Um panorama da música popular brasileira dos anos 1960 e 1970 através do grupo musical Novos Baianos, mostrando o estilo de vida comunitário adotado pelos integrantes.

Mamonas Pra Sempre (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Documentário sobre a banda brasileira Mamonas Assassinas, que foi vítima de um acidente aéreo fatal em 1996.

No Intenso Agora (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Com imagens de arquivo, o documentário mostra vários acontecimentos da década de 1960, como a revolta estudantil em Paris e a Primavera de Praga.

Pacarrete (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Pacarrete é uma bailarina idosa, considerada louca, que vive em Russas, no Ceará, uma cidade do interior. Na véspera da festa de 200 anos da cidade, ela decide fazer uma apresentação de dança como presente para o povo. Mas parece que ninguém se importa.

A Dama da Lotação (19/06/2024) – Simplesmente Dia do Cinema Nacional

Após ser estuprada pelo marido na noite de núpcias, Solange passa a rejeitá-lo. A partir daí, ela se transforma numa fogosa passageira de ônibus, de onde parte para entregar-se por completo a desconhecidos. 

Deixe uma resposta