Homem x Abelha: A Batalha | Crítica: Exagerado, desconfortável e apenas engraçadinho

homem x abelha

Criado por Rowan Atkinson, nosso eterno Mr. Bean, chegou na Netflix a minissérie Homem x Abelha: A Batalha (Man vs Bee, 2022). Com apenas 9 episódios que variam seu tempo entre 10 e 20 minutos, a minissérie mostra a luta de um homem simples contra uma abelha que o azucrina durante um trabalho, e infelizmente somos azucrinados juntos.

homem x abelha
Crédito: Netflix

Atkinson é um grande ator, cheio de prêmios, e infelizmente o que temos são vários momentos específicos que ficam engraçados, mas que não se colam e apenas irrita este homem e também quem assiste. Lógico que os fãs de Mr. Bean irão reencontrar o Atkinson das caretas e situações absurdas, e irão se divertir com ele.

Homem x Abelha: A Batalha conta a história de Trevor, um homem que não vê futuro, onde está divorciado e tenta se manter presente na vida da filha, enquanto sua ex não vê ele querendo melhorar para isso. O problema que quando ele consegue um emprego de “cuidador de casa”, uma abelha entra em seu caminho, e ele obcecado, destrói tudo, literalmente, em seu caminho para dar fim no animalzinho.

homem x abelha
Crédito: Netflix

A casa de luxo é cheia de obras de artes e itens valiosíssimos, que são todos destruídos por Trevor, e até mesmo a cadelinha Cupcake sofre nesse caminho. Os 9 episódios da série são cheios de nuances, há inserções de ladrões no caminho e que tem uma virada que achei interessante, pois no fim Trevor tem uma pequena redenção…

O drama contido na relação entre Trevor e sua filha é onde Atkinson consegue trazer outras nuances para seu personagem e para sua atuação, e meu momento favorito é o do lança chamas e com ele completamente fora de si dentro da casa em chamas.

homem x abelha
Crédito: Netflix

O elenco da série também é interessante, gostei do ar de desprezo de Jing Lusi e como Claudie Blakley traz nuances de desapontamento e esperança de algo bom para seu ex-marido. Também estão no elenco Tom Basden, Julian Rhind-Tutt e India Fowler.

No fim Homem x Abelha: A Batalha não entrega o melhor de Rowan Atkinson, entrega o melhor dele como Mr. Bean, todo caricato e desastrado, que agrada há muitos, mas que não inova para o ator e também criador dessa comédia leve e com pequenos momentos bem divertidos.

Homem x Abelha: A Batalha tem seus 9 episódios disponíveis na Netflix.

5 Replies to “Homem x Abelha: A Batalha | Crítica: Exagerado, desconfortável e apenas engraçadinho

  1. Eu acho que com o passar do tempo a comédia e o humor foram ficando muito “refinados” e realmente a gente tá cada vez mais exigente em relação a tudo relacionado com comédia, eu assisti a série despretensiosamente com meu sobrinho e me surpreendi. Realmente eu tô vendo o Mr Bean na minha tela e tudo bem porque eu consegui me divertir e dar umas risadas com meu sobrinho, realmente a série não tem nada demais e não é lá o ápice do entretenimento humorístico mas de um todo modo me senti abraçado por aquele humor tosco e caricato que o Rowan sempre entregou pra gente.

Deixe um comentário