Edição 2023 da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo terá  homenagem e retrospectiva de Michelangelo Antonioni

0
95
Try Apple TV

A organização da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo anunciou que o cineasta Michelangelo Antonioni será um dos homenageados da edição 2023 que acontece no próximo mês.

Assim, o diretor, roteirista, pintor e editor italiano ganha retrospectiva de 23 títulos na 47ª edição do festival. Todos os anos, a Mostra Internacional de Cinema convida um artista ou cineasta para fazer a arte do pôster do ano, e em 2023, é a vez também de Antonioni estar no cartaz do evento com uma arte feita nos anos 1960.

Italiano, Antonioni tem como longas mais conhecidos Profissão: Repórter (1975), Blow-Up – Depois Daquele Beijo (1966), e a trilogia da incomunicabilidade, composta pelos longas A Aventura (1960), A Noite (1961) e O Eclipse (1962).

Durante a vida toda, Antonioni foi também um pintor que enquadrou, explorou close-ups, olhos, pedras, mãos, bocas, folhas, árvores e geladeiras explosivas, devolvendo sua arte silenciosamente em fragmentos. As cores, como em Deserto Vermelho, as ampliações em Blow-Up – Depois Daquele Beijo – com tantos grãos que beiram a abstração, e a famosa sequência explosiva em Zabriskie Point, são praticamente pinturas abstratas em movimento, afirma a organização do festival.

Destaque no calendário da cidade, o evento reúne os principais lançamentos de filmes de diversas nacionalidades e serve de vitrine tanto de produções nacionais, quanto internacionais. 

Muitos dos indicados ao Oscar e outras premiações importantes são exibidos durante o Festival para os queridinhos cinéfilos.

Além do pôster, a homenagem da 47ª Mostra ao diretor Michelangelo Antonioni inclui a exibição de 23 títulos, entre curtas e longas, documentários e ficções, realizados entre 1947 e 2004, em 65 anos de atividade. 

Completa a homenagem a leitura que atores farão do roteiro “Tecnicamente Doce”, escrito por Michelangelo Antonioni, que será filmado com direção de André Ristum, produção de Caio Gullane, Fabiano Gullane e André Novis em coprodução com a empresa italiana Vivo Film, associada à Enrica Antonioni.

Michelangelo Antonioni Foto: Organização da Mostra de Cinema de São Paulo. All rights reserved.

Entre os filmes:

  1. A Aventura, Ficção, 112min, Reino Unido/EUA, 1960
  2. A Dama sem Camélias, Ficção, 106min, Itália, 1953
  3. A Noite, Ficção, 123min, Itália/FR, 1961
  4. Além das Nuvens, Ficção, 112min, França/Itália/Alemanha, 1995 (co-direção de Wim Wenders)
  5. Blow-UP – Depois daquele beijo, Ficção, 112min, Reino Unido/EUA, 1966
  6. Crônica de um Amor, Ficção, 98min, Itália,1950
  7. Gente do Pó, Doc, 10min, Itália, 1947
  8. Identificação de Uma Mulher, Ficção, Itália/FR, 131min, 1982
  9. Kumbha Mela, Doc, 18min, Índia, 1989
  10. L’amoroza Menzogna, Doc, 11min, Itália, 1949
  11. Limpeza Urbana, Doc, 9min, Itália, 1948
  12. Noto, Mandorli, Vulcano, Stromboli, Carnevale, Doc, 10min, Itália, 1992
  13. O Amor na Cidade (Tentativa de suicídio), Ficção, 22min, Itália, 1953
  14. O Deserto Vermelho, Ficção, 117min, Itália/FR, 1964
  15. O Eclipse, Ficção, 126min, Itália/FR, 1962
  16. O Grito, Ficção, 117min, Itália/EUA, 1957
  17. Os Vencidos, Ficção, 113min, Itália/FR, 1953
  18. Profissão: Repórter, Ficção, 126min, Itália/FR, 1975
  19. Roma, Doc, 10min, Itália, 1989 (episódio do longa 12 Registi per 12 Città)
  20. Superstizione, Doc, 9min, Itália, 1949
  21. Sicília, Doc, 9min, Itália, 1997
  22. O Olhar de Michelangelo, Doc, 15min, Itália, 2004
  23. Zabriskie Point, Ficção, EUA, 113min, 1970

Neste ano de 2023 a Mostra SP acontecerá entre os dias 19 de outubro e 1º de novembro.

Try Apple TV
Try Apple TV

Deixe uma resposta