This is Us | 2×06 – The 20’s

Voltando alguns anos, este episódio mostrou os vinte e poucos anos os irmãos Pearson e This is Us mais uma vez sabe desenhar a trama e os mostrar como cada um reage a criação de seus pais. Neste episódio quem mais me chama atenção é o pequeno Lonnie Chavis, que carisma esse garoto tem.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

No passado vemos uma festa de Halloween onde Kevin só quer ir pegar seus doces e ir na casa do terror, enquanto Kate passa pela fase de escolhas do que quer ser quando crescer, mas principalmente quer que o garoto Billy segure sua mão quando eles se assustarem na casa. Já Randall é complicado, ele cria mapas, faz planos, traça rotas, tudo para pegar os melhores e maiores doces, mas os irmãos só querem se divertir.

É engraçado como Jack faz as vontades dos filhos, ao mesmo tempo em que se preocupa. Billy pegou na mão de Kate, mas só porque Kevin lhe deu seus doces, e ele tenta até conversar com Rebecca em casa, mas tem Randal…

Rebecca começa a ver como o filho é ansioso e focado nas coisas que quer fazer e tenta colocá-lo nos imprevistos da vida, mas ela descobre que ele não quer ir até uma das casas porque eles contaram que Randall só é um milagre porque Kyle sumiu. A questão é que Randall teme que ele volte, mas é aí que Rebecca explica que Kyle se foi, mas porque morreu após o parto. Foi simplesmente de doer o coração.

Nos 20 e poucos dos personagens, e o tema aparece porque Jack fala como ele e Rebecca eram agitados nessa época, temos Kevin sem conseguir fazer uma audição há meses, Kate como garçonete e flertando com um cara casado, enquanto Randall e Beth aguardam a chegada de Tess.

Kevin e Kate passam pelo pior.

Ela ainda não superou a morte do pai, passa direto na casa que foi deles e fica comendo observando a casa, agarrada ao sonho de voltar, seu encontro com um homem que parece admirá-la vira uma ruína depois que conta que sabe que ele é casado, mas é o único que tem demonstrado interesse e carinho por ela.

Já Kevin sem teste, fica com ciumes de Zeke vai pra cima de Brett na tentativa de conseguir um papel no filme, nem que seja passando a perna no amigo. Gostei da lição de moral que Brett lhe deu e Zeke, que demonstra ser amigo mesmo, acaba expulsando Kevin de casa ao descobrir o que ele tentou fazer.

E temos Randall, que após descobrir a gravidez de Beth ficou cego de ansiedade, deixando-a sem saber como confiar no marido e é Rebecca quem lhe ajuda a passar por alguns momentos, mas uma acaba ajudando a outra. Randall passa raiva para colocar um ventilador de teto e ao buscar um novo acaba conversando com Garuda e compreendendo que não adianta ficar nessa pilha, que tudo irá se resolver quando a pequena chegar. Ri com a historia do nome de Tess, vindo do nome do ventilador.

A história se fecha mostrando que depois de anos que Rebecca resolveu conversar com Miguel, tudo pois ambos fizeram uma conta no Facebook. Os dois ali retomaram contato e sabemos que eles ficam juntos, mas quero ver como foi a reação deles no caminho.

This is Us mais uma vez é sensível e instigante, o discurso final de Rebecca para Randall e Tess foi delicioso de se ver.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.