This is Us | 2×01 – A Father’s Advice

E uma das maiores surpresas da temporada 2016-17 retornou na última noite para sua 2ª temporada. This is Us voltou já arrasando na, e com a, audiência, com um episódio emocionante que já nos traz importantes respostas, além de evoluir tramas importantes e nos fazer relembrar de momentos emocionantes, dando um novo sentido a muitos personagens.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

A primeira coisa que podemos falar é sobre o presente, com Randall obcecado em conseguir um filho para adoção e nesse momento vemos como ele e Beth não estão sincronizados. A cena deles na agência de adoção com ela surtando foi excelente, e logo entendemos os motivos. Ela teme que ele apenas queira refazer os passos dos pais, e em um momento excelente dela ao lado de William vemos como ela é carinhosa. Quando os dois sentam para conversar eles veem que podem fazer a diferença na vida de outras pessoas e não necessariamente de uma criança.

Ao mesmo tempo vemos Kevin tendo uma decepção com Sophie, que não consegue ir a LA para seu aniversário, e eu acreditei que ele fosse fazer algo estúpido, mas não, ele começa a demonstrar que realmente a ama. Quando ela aparece de surpresa no final foi apenas mais um dos momentos deliciosos da série.

E falando em momentos, Kate teve que lidar com seus medos e inseguranças, pois ao ir na audiência para uma banda acaba tendo de volta todo o sofrimento que sempre passou. Quando ela toma as rédeas dos acontecimentos, foi interessante ver a série não ir para o óbvio com ela conseguindo a vaga, mas sim sendo orientada a estudar mais e se aprimorar. E tivemos também ótimos momentos dela com Toby.

Toby se sentindo de lado desde que Kevin foi para LA filmar com Ron Howard foi engraçado, pois os irmãos gêmeos são amigos, cúmplices e ela acaba contando tudo para o irmão, o que o deixa frustrado. Quando Toby confronta Kevin a situação sai de controle, mas acaba ficando bem cômica, ao invés de ir para o dramalhão.

Agora, quando o foco da trama volta no passado para mostrar Rebecca e Jack a série sabe trabalhar a situação dos dois e mostrar como eles se completam e a solidão deles, a distância, os afetam profundamente. Quando Rebecca vê que não é completa sem ele e vai atrás, temos uma decisão bem arriscada e esperava que Jack fosse voltar correndo, mas temos mais uma surpresa.

Milo Ventimiglia e Mandy Moore dão um show no momento em que Jack assume ser alcoólatra e prefere se afastar até melhorar e ela simplesmente não aceita e deixa claro que ambos precisam trabalhar isso, que não o abandonará neste momento…

Fecharem o episódio mostrando os últimos momentos de Jack, o sofrimento de seus filhos, a descoberta de Rebecca, enquanto Kevin está alheio de tudo curtindo com Sophie, é de partir o coração.

This is Us retornou mostrando o melhor da série, seu drama, seu coração… Escrito por Dan Fogelman ele mostra ter domínio sobre os personagens e a trama que criou, mas é a força de seu elenco que mais nos comove em cada cena.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.