The Romanoffs | 1×02 – The Royal We

Nesse segundo episódio de The Romanoffs temos, como falamos, uma nova trama, novos personagens, e claro, novos dramas.

A abertura continua a mesma mas, dessa vez, o episódio The Royal We se passa nos EUA e acompanha uma outra parte da família Romanoff. Na trama, conhecemos o casal Michael e Shelly Romanoff (Corey Stoll e Kerry Bisché, ambos muito bem inclusive) que trabalham juntos numa cidade do interior dos EUA mas que vivem em crise no relacionamento e participam de uma terapia de casal para tentar mudar as coisas.

E isso é um começo de um episódio que é marcado por mostrar os devaneios do casal com seus problemas mundanos e as relações entre duas pessoas entediadas com seu relacionamento que são consumidas pela rotina, o dia-a-dia e a falta de alguém para se contar e dividir os bons (e maus momentos).

The Romanoffs crítica
Foto: Amazon Prime Video

The Royal We, igual The Violet Hour, segue com o jeitão de filme feito para TV o que deve ser a marca de todos os episódios de The Romanoffs pelo visto. Corey Stoll entrega uma boa atuação com um personagem egoísta que finge ficar preso como jurado de um caso para ter um tempo sozinho sem a esposa (e também para ficar de olho em outra jurada) Mas o destaque do episódio fica com a atriz Kerry Bisché,  uma mulher frustada com seu casamento que acaba por partir para um cruzeiro sem o marido e por consequência acaba por se livrar se algumas amarras.

Esse segundo capítulo, diferente do primeiro, tem um conexão maior com a família imperial Russa, afinal, o dito cruzeiro é uma reunião de família dos Romanoffs como se fosse uma Comic-Con com palestras, eventos e claro festas. E assim, episódio continua a fazer sua crítica sobre a grandiosidade e ostentação sem limites da aristocracia e como parece que alguns personagens se agarram em suas tradições para uma fuga da realidade.

Toda a parte em que a personagem de Bisché está no cruzeiro é como se embarcarmos numa aventura pelo tempo, onde o ápice fica com o Baile do Grão-Duque que nos mostram cenas surreais (spoiler alert prestem atenção!) e que acaba por ser completamente caricata, num acerto impressionante dos roteiristas e do produtor Matthew Weiner.

The Romanoffs crítica
Foto: Amazon Prime Video

Em The Royal We ainda temos casal a continuar sua terapia mas com outras pessoas, onde Shelly interage com um colega de cruzeiro, o galanteador Ivan (Noah Wyle) e Michael com uma outra moça que compõe o júri, a misteriosa e sedutora Michelle (Janet Montgomery).

O episódio segue e mostra os dois dando pausa no relacionamento para depois voltarem e perceberem que as coisa não serão mais iguais. E no melhor estilo BlackMirror (mas sem a parte tecnológica) a trama ganha um fôlego sem tamanho em seus momentos finais quando segue um caminho mais dramático e entrega um final interessante, um pouco sombrio e completamente aberto.

No final, The Royal We faz um capítulo mais realista e pé no chão do que seu antecessor e entrega boas atuações dos atores principais num roteiro muito bem trabalhado, cheio de simbolismos e analogias sobre o relacionamentos à dois, casamento e comprometimento.

The Romanoffs estreia em 12 de Outubro com exibição semanal de seus episódios sempre nas sexta-feiras.

Miguel Morales

Sempre posso ser visto lá no Twitter falando sobre o que acontece na TV aberta, nas séries, no cinema e claro outras besteiras. Uso chapéu branco e grito It's Handled! Me segue lá: twitter.com/mpmorales