sábado, 02 março, 2024
InícioSem CategoriaDisney culpa perda de assinantes por aumento de preços e fecha 2023...

Disney culpa perda de assinantes por aumento de preços e fecha 2023 com menos de 200 milhões assinantes

A Walt Disney Company realizou ontem (7) a reunião de investidores para o período fiscal chamado de Q1 2024. Ou seja, para os últimos três meses do ano de 2023, Outubro, Novembro e Dezembro.

O ano fiscal na empresa termina em Setembro. E no meio de diversos anúncios, como Moana 2 para 2024 lá nos EUA, e as janelas de lançamentos para novos filmes das franquias Zootopia (2025), Toy Story e Frozen (2026), a empresa viu uma queda no número de assinantes em suas plataformas de streaming.

Disney também vai fechar o cerco no compartilhamento de senhas

Com dados de 30 de dezembro de 2023, a Disney fechou o ano com 149,6 milhões de usuários globais para o Disney+. Somado com os números do Hulu, a companhia, no total, possui 199,3 milhões de usuários em todo mundo.

A divisão entre os serviços de streaming da companhia, números de usuários, ficou assim:

Disney+ EUA/Canadá – 46.1 milhões

Disney+ Mercados internacionais sem Disney+ Hotstar – 65.2 milhões

Disney+ Hotstar – 38.3 milhões

Hulu – 49.7 milhões

Disney atualiza número de assinantes de plataformas de streaming para o 2º semestre com queda

No período analisado, a Disney viu um aumento nos assinantes do Hulu para 1,2 milhões em relação ao trimestre anterior. Já o Disney+ perdeu 1,3 milhões de assinantes.

A justificativa da empresa para a perda de assinantes se deu pelo aumento da assinatura em algumas regiões e ainda o final de uma promoção realizada no meio do ano.

A greve dos roteiristas e dos atores impactou a chegada dos conteúdos onde os principais destaques do trimestre ficaram com a série Loki, segunda temporada, e ainda os primeiros episódios de Percy Jackson logo no final do trimestre. A atração foi renovada para um segundo ano.

Nos EUA, a integração do Hulu como uma aba dentro do Disney+ começou em Dezembro e deve se expandir até Março lá nos EUA. Na América Latina, o Star+ e o Disney+ também vão se unir dentro do mesmo app ainda em 2024, numa data a ser anunciada no futuro.

As projeções para o Q2 2024, ou seja, os meses de janeiro, fevereiro, e março de 2024 são da empresa ganhar entre 5,5 e 6 milhões de novos usuários para o Disney+.

Disney Brasil confirma Disney+ e Star+ no mesmo app para 2024

As receitas do trimestre ficaram em US$23.5 bilhões. A empresa afirmou ter perdido US$ 300 milhões na área de Entertainment DTC (direct-to-consumer, os streamings).

Mas por outro lado economizou US$ 500 milhões no período por conta de “vendas, em administração geral (cortes de funcionários) e outras despesas de operação), afirma o relatório divulgado pela imprensa.

“Apenas 1 ano atrás, nos mapeamos um plano ambicioso para fazer com que a The Walt Disney Company retornasse para um período de crescimento de criação de valor para os seus acionistas. ” afirmou o CEO da companhia, o executivo Robert A. Iger em comunicado.

“Entramos numa nova Era para a nossa empresa, focada em fortificar a ESPN para o futuro, fortalecer nossos streamings para dar lucro, revigorar a divisão de filmes e ainda fazer nossa divisão de parks e experiências crescer de forma turbo.” diz.

“Na medida que nos construimos o futuro, os passos que damos hoje nos ajudarão a solidificar a Disney, e seu lugar, como uma criada de conteúdo global proeminente.” conclui o executivo.


Miguel Morales
Miguel Moraleshttp://www.arrobanerd.com.br
Sempre posso ser visto lá no Twitter, onde falo sobre o que acontece na TV aberta, nas séries, no cinema, e claro outras besteiras.  Segue lá: twitter.com/mpmorales

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Try Apple TV

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba todas as principais notícias e informações em seu email.

Mais Lidas

Músicas indicadas ao Oscar 2024 serão cantadas ao vivo no palco

Billie Eilish, Ryan Gosling, Becky G, Jon Batiste e Scott George and the Osage Singers cantarão as músicas indicadas ao Oscar na edição 2024.

Os lançamentos de Março na Max

Os lançamentos no Star+ em Março

Try Apple TV

Últimas

Emily Blunt negocia participação em longa com The Rock sobre lutador de MMA

Emily Blunt negocia participação em longa com The Rock sobre lutador de MMA.

Os lançamentos de Março na Max

Os lançamentos de Março no Prime Video

Os destaques no Disney+ em Março

Os lançamentos no Star+ em Março