Homeland | 6×11 – R is for Romeo

Quase em sua season finale, Homeland mostra que nada é realmente o que parece e até Dar Adal pode ter algo por trás de suas ações que nem ele tinha ideia do que poderia causar com suas atitudes. Com boas reviravoltas prometidas a série mantém um ritmo mais lento, mas isso não é sinônimo de fala de trama ou que ela não está interessante, muito pelo contrário, está mais intimista e desenvolvendo muito bem seus personagens, dando as nuances necessárias para suas ações.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Saul alerta a presidente-eleita Keane sobre as ações de Adal, mas principalmente leva as informações de Peter e Max sobre ele estar envolvido com uma empresa ainda maior, no caso a de Brett, o apresentador que expôs o filho dela. Argumentando bem sobre as ações a serem tomadas e como a população está reagindo com a possibilidade da presidente ser uma farsa, assim como Brett está vendendo a imagem de seu filho, o que temos é um embate de monstro diante as câmeras. Brett faz acusações, Keane rebate e nós ficamos tensos com eles.

A questão agora é entender o que motiva Brett e aí vem a surpresa: Dar Adal tem dúvidas do que ele pretende fazer, principalmente com Quinn. Assim ele não entende as atitudes de Max, mas vai com ele a um lugar protegido e juntos descobrem que Brett criou um perfil falso de Peter onde centraliza fotos e mensagens de ódio contra a presidente-eleita… Aí vem mais reviravoltas e já sigo ansioso por mais.

Tudo isso por Carrie vai atrás de Quinn e descobre o paradeiro não só de Belli, mas também da van original de Sekou. Ali eles começam a amarrar as histórias, mas o melhor é quando Quinn conta a Carrie o que quer fazer e ele fora de si deixa claro que sabe que ela é a culpada por ele estar daquele jeito. Dois choques de monstros em cena, Rupert Friend jogando todo sua raiva, medo e frustração para cima de Claire Danes, que corresponde a altura com frustração e pavor por saber que acabou com a vida de seu amigo. Os dois atores nos envolvem em suas melhores atuações.

O problema é que a partir daqui é só ladeira abaixo… Quinn mata Belli, Carrie chama a polícia e preparam uma desculpa para as atitudes dele, incluindo legítima defesa, já que ela entende a motivação dele devido a morte de Astrid, mas tem um problema, a casa já foi planejada para a destruição e ligar Quinn a mais um atentado. Assim, uma parte do grupo de Belli segue para pegar a presidente e Carrie não consegue alertá-los.

Deixando uma trama decisiva para sua season finale, Homeland, que já tem mais 2 temporadas garantidas, novamente dará uma revigorada em seu foco e tem tudo para novamente se reinventar.

Fico por aqui, comentem e to be continued