DuckTales | 1×01 – Woo-oo!

Depois de muito esperar, a Disney transmitiu o episódio piloto e também telefilme do tão aguardado reboot de DuckTales. Mesmo com o saudosismo da 1ª versão, incluindo a trilha de abertura, na cabeça, acompanhar esse reboot foi algo delicioso de se ver, cheio de referências, incluindo a própria Disney com direito a lâmpada de Aladdin e tudo mais, o melhor é a forma profunda como ele trata cada um dos personagens…

Então sente-se, aperte o cinto, já que aí vem o furacão, vem emoção…

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Logo de início acompanhamos Pato Donald enrolado para uma entrevista de emprego e seus sobrinhos, Huguinho, Zezinho e Luizinho planejando uma viagem com sua casa-barco na ausência do tio. Como os garotos só aprontam, e somos lembrados que eles tem o espírito de aventura do tio e de sua família, resta Donald deixar as crianças com o Tio Patinhas. É legal ver como todos tem admiração por Patinhas e quando o conhecemos, vemos também o ressentimento dele por Donald.

Tudo aqui acontece por um motivo e um desastre leva a outro sem parecer sem graça e com muitas piadas. Capitão Boing é desajeitado, hilário e meio sonolento, enquanto Madame Patilda é forte e cheia de energia, além de ressaltar que não é secretária de Patinhas. Mas é a relação dos garotos com Patrícia que é desenvolvida de forma sincera e cheia de cumplicidade.

O desenrolar das tramas é crescente, mas o tema principal dessa jornada é a confiança e o amor em família. Luizinho quer mostrar ao tio-avó que é forte e tem o sangue aventureiro, mas o tio sempre está preocupado com algo do passado que o separou de Donald, só que quando compreende que não há como fugir e tem um tesouro de Atlântida para irem atrás, eles embarcam na maior aventura.

Pato Donald também tem que passar por cima do passado, pois do espírito aventureiro restou apenas o jeito rabugento e estourado, como vemos em sua entrevista de emprego. Ele mantém os sobrinhos superprotegidos e mesmo que ele tenha muito carinho pelas crianças, elas não sentem muito disso, pois ele não as escutam. Tudo acontece por um motivo.

Quando o drama fica de lado e dá lugar a ação, as coisas são interessantes e entramos mesmo de cabeça nas aventuras deles, com direito a citações do Manual do Escoteiro Mirim. A viagem atrás do tesouro tem perseguição, com Pão-Duro MacMonei querendo se tornar bilionário e ultrapassar Patinhas, enquanto todos correm riscos.

Outro ponto bem bacana que eles abordam mais nessa versão de DuckTales é a família Donald. Vemos os elos e também todas as informações sobre cada um e de forma rápida através de Patrícia e sua curiosidade. Se continuarem a abordar mais esse lado da família, o desenho pode ir mais fundo em todos os lados.

Além disso, já sabemos que a mãe de Huguinho, Zezinho e Luizinho será abordada na trama e tem grande desdobrar na relação conflituosa de Patinhas e Donald. Já queremos saber o que aconteceu com ela e espero que Luizinho vá mais fundo nessa jornada.

DuckTales atualiza muito bem a história, o visual e os personagens e pode cativar os saudosistas e uma nova audiência por ser inteligente e não tratar o público de forma boba. As piadas se encaixam com a ação e os dramas estão na medida certa.

Novos episódios retornam na Disney XD dia 23 de setembro. Aqui no Brasil ainda não há informações de sua estreia pelo Disney Channel, mas fique de olho aqui no Arroba Nerd que traremos todas as informações.