Black Lightning junta-se ao Arrowverse, na The CW

Depois da solicitação de um piloto pela FOX, a série Black Lightining (Raio Negro) tem tudo para se juntar ao Arrowverse na The CW de acordo com o Deadline. A emissora, do grupo Warner Bros, já produz Arrow, The Flash, Legends of Tomorrow e Supergirl como séries e as animações Vixen e a vindoura Constantine para o CW Seed, tudo no mesmo universo e com crossovers algumas vezes garantidos no chamado Arrowverse.

A provável mudança para a The CW não é uma surpresa, mas chama a atenção, uma vez que o presidente da emissora, Mark Pedowitz, já disse que não quer que a mesma fique conhecida apenas por suas produções de adaptações de quadrinhos, uma vez que além das séries citadas, ainda estão no ar iZombie e Riverdale, esta última baseada nos quadrinhos da Archie Comics.

De acordo com o ComicBookMovie, a série está sendo desenvolvida por Greg Berlanti, que está por trás do Arrowverse, e de Mara Brock Akil e seu marido Salim Akil, que estão por trás das séries The GameBeing Mary Jane. A FOX desistiu do piloto depois de decidir que “a série do superherói não se encaixa com as séries do gênero dramático da DC/WBTV que incluem Gotham e Lucifer, a dramédia em produção de Seth MacFarlanes, e os dois pilotos, um baseado em X-Men escrito por Matt Nix e The Passage, todos da 20th TV“.

Black Lightning é um dos primeiros grandes heróis Afro-Americano na história da DC Comics e foi criado em 1977 por Tony Isabella e Trevor Von Eden. Raio Negro, como é conhecido no Brasil, gira em torno de Jefferson Pierce que fez uma escolha, deixar de lado seu traje e sua identidade secreta anos atrás, mas se vê na obrigação de voltar a ser um vigilante e uma lenda ao ver sua filha, uma brilhante estudante, ser recrutada por uma gangue local.

Leia mais sobre Black Lightining ou DC Comics.