Destaques Tecnologia Variedades 

O que esperar o evento da Disney focado em streaming?

Depois da grande movimentação da WarnerMedia na semana passada onde o conglomerado resolveu mandar todos os filmes da Warner Bros. para um lançamento tanto nos cinemas quando no HBO Max, Hollywood está em pé de guerra, com egos feridos e farpas trocadas pela parte dos investidores, diretores e exibidores.

Claro, a gigante AT&T, a dona das empresas que compõe o grupo Warner, não lança e aposta em um serviço de streaming só para deixar de enfeite, não é mesmo?. E desde da semana passada, a Warner Bros. passa de queridinha da indústria para inimiga #1.

O mercado tem chamado o estúdio até de Former Bros. veja a audácia? Mas lembrem que no começo da pandemia, esse papel foi da Universal Pictures que agora o seu acordo de um janela de 17 dias parece ser muito interessante e menos polêmico do que o da Warner Media e tão começo da pandemia né?

E nos leva para a Walt Disney Company com seu evento de investidores que acontece nesse época do ano normalmente. Em edições passadas, a empresa mostrou pela primeira vez as funcionalidades do Disney+ que estreou há 1 ano nos EUA e algumas semanas aqui no Brasil e em toda América Latina.

Será que Hollywood, e a imprensa americana, tratarão a empresa do Mickey da mesma forma que a Warner Media foi tratada nos últimos dias? Depende muito do que for apresentado no evento.

E amanhã dia 10, conforme prometido por Bob Chapek, o novo CEO do Grupo que assumiu no começo do ano, teremos um evento focado em streaming ou que a companha chama de serviços diretamente ligado aos consumidores.

Mas o que será que VEM POR AÍ?

Foto: Reprodução
Todos os direitos reservados para a Walt Disney Company.

Antes de mais nada anotem, o evento acontece no dia 10, às 18h30, horário de Brasília, com duração de 4 horas. Isso mesmo. 4 horas. Você pode assistir aqui.

Como será focado no streaming, claro que o carro chefe será o Disney+. Aposto que Chapek deverá atualizar os números de usuários globais da plataforma, que em Outubro na última reunião de investidores foi anunciado ser de mais de 70 milhões.

Particularmente eu acredito que o número suba para uns 80 milhões aproximadamente depois da estreia aqui na região. 100 milhões? Bem improvável, mas faria ótimas chamadas para os veículos hein?

NOVAS FUNÇÕES

O que realmente o mercado espera amanhã é que a Disney anuncie a famosa e aguardada sessão adulta e que inclua mais filmes do selo 20th Century FOX, Searchlight, produções como Deadpool. Disney 18+, Sessão Adulta, ou até mesmo as abas dos estúdios são apostas que tem circulado por aí.

A utilização de PIN, uma senha, também tem sido rumorizada já algum tempo. E isso nos leva para um outro tema.

O Hulu dentro do Disney+? Seria isso possível, juntar o serviço de streaming dentro da plataforma seria uma forma de agregar os dois conteúdos e não fazer o público precisar escolher entre Hulu ou Disney+, não é mesmo? Seria o Hulu o carro chefe da sessão adulta? Falamos um pouco mais aqui.

O Star! O que sabemos é que a Disney planeja lançar o selo Star em diversos outros locais, fora dos EUA, para suprimir a necessidade de lançar o Hulu nos mercados internacionais como o Brasil, a América Latina e Europa, mas será que o estúdio incluiria a aba Star nesses mercados onde o Hulu faria essa função nos EUA? Ou teríamos uma plataforma completamente nova?

Perguntas e perguntas.

E uma das funções do Disney+ que devem ser anunciadas não é nova. É o famigerado Premier Access que provavelmente deverá ser ativado novamente para outras produções.

A função foi lançada em setembro junto com o lançamento do live-action de Mulan, mas a recepção não foi uma das melhores mesmo que os executivos da Disney parecem estar satisfeitos com a performance do longa na plataforma e com a função, mesmo que os números não foram divulgados até então. Será que vamos descobrir isso amanhã?

E isso nos leva para o próximo tema.

FILMES NO DISNEY+

Foto: Disney

Enquanto o mundo caminha para sair dessa pandemia global devastadora, os estúdios planejam seus próximos passos. Com a Warner Media tendo anunciado que TODOS os seus filmes irão para o HBO Max de forma simultânea com os cinemas, todos os olhos ficam para a Disney.

Segundo informações, o estúdio já planeja lançar o live-action de Cruella, e também os próximos que estão em pré-produção como Peter Pan e Wendy e Pinóquio na plataforma. Mas será que isso é o bastante? A grande questão é e um blockbuster de verdade? Aquele que a Disney sabe que faria tranquilamente quase 1 bilhão de dólares ao redor do mundo… será que um filme desses seria sacrificado para entrar na plataforma e dar um boom de assinantes?

A aposta mais comentada é o aguardado, e adiado, Viúva Negra. Se a Warner jogou Mulher-Maravilha 1984 para o HBO Max, a Disney poderia também jogar (do penhasco? Too soon?) o filme da vingadora espiã no Disney+, não é mesmo? Que utilize o Premier Access.

Com a chegada da série WandaVision em janeiro e que deverá movimentar a discussão em torno de uma produção da Marvel depois de mais de 1 ano inteiro sem um filme do estúdio, é inevitável que Viúva Negra precise seguir para esse caminho. E claro, segundo rumores o longa está conectado com a série Falcão e Soldado Invernal que também está aí para ser lançada.

Se Kevin Feige prometeu o Universo compartilhado entre filmes e produções da Marvel Studios, é melhor usar o Disney+ para isso.

Separamos uma lista com filmes que deveriam SIM ir para o Disney+ aqui.

NOVOS PROJETOS

Foto: LucasFilm

Claro, não só de filmes e séries já feitas que o Disney+ irá sobreviver. No evento é esperado que a Disney anuncie novos projetos para o Disney+. Segundo informações teremos anúncios de novas atrações de quase todos os selos do estúdio como LucasFilm, Pixar, Marvel, Disney Animação.

No radar temos os spin-off de The Mandalorian como uma série focadas nos personagens de Boba Fett, da jedi Ashoka Tano, e fora as já anunciadas de Obi Wan Kenobi e Cassian Andor.

Do lado da Marvel Studios será que teremos algum tipo de compilado do que vem por aí? E confirmações de elenco? Quem sabe artes conceituais, ou fotos do elenco oficiais, de Hawkeye e Ms. Marvel que já começaram suas gravações? A confirmação de Tatiana Maslany e Oscar Issac como She-Hulk e Cavaleiro da Lua, respectivamente, como os protagonistas de suas séries? E quem sabe mais projetos?

Não deixem de acompanhar nossa cobertura aqui e nas redes sociais. Que a força esteja com vocês. #BabyYoda meditando na rocha.

Postagens relacionadas