the good doctorReviews Séries & TV 

The Good Doctor | 4×06 – Lim

Coletando os traumas dos dois primeiros episódios centrados na pandemia do Coronavírus, The Good Doctor mesmo resolvendo tratar um futuro utópico com a cura já feita, finalmente vemos as sequelas das vidas perdidas pelos médicos no drama da Dra. Lim, que está sofrendo de estresse pós-traumático.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio/série. Continue a ler por sua conta e risco.

Eu falei no meu último review da série que esperava que ela desse uma guinada, mas olha, ela não veio… Mas isso não quer dizer que o episódio foi ruim, ele foi só lento demais, o foco em Lim foi incrível, necessário e muito forte, mas a condução dessa temporada tem deixado um pouco a desejar, tanto que a audiência tem escapado.

Agora vamos falar de Lim! A personagem está fora dos trilhos, todas as perdas nos meses de pandemia a deixou traumatizada, precisando conversar e extravasar demais as coisas, vemos isso quando ela sai sem rumo de moto na madrugada, e já vimos que ela não tem conseguido dormir. Fico imaginando como estão os profissionais de saúde hoje, 10 meses após o início de tudo isso, e ver a dor das perdas dela aumenta o desespero nisso.

Lim está destruída, nas palavras dela no episódio ela se sente desconectada de tudo, e vemos como ela vai perdendo a paciência facilmente, não tendo conexão com os outros profissionais e se estressando com as coisas bobas que os outros vão fazendo, e nessa Shaun, Morgan e Park levaram uma colada merecida dela.

Shaun estava querendo escolher um presente para Lea, e ficou enchendo a médica de questionamentos, já Morgan e Park, agora que moram juntos, começam a fazer apostas dentro de casa e quem perde tem que pagar mico, e ela perde a paciência, falando que ali no hospital eles estão para ajudar os pacientes e salvar vidas, não palhaçadas.

Momento mais bacana dela para mim foi conversar com Asher sobre a perda dele e que as perdas são consequências, mas que ele não pode ficar focando nisso, pois se ele quer ser um cirurgião ele tem que aprender a lidar de outra forma com isso. Asher estava fugindo das coisas e ficando nas escadas de emergências se lamentando sozinho.

A Dra. Jordan foi designada a fazer o aborto de uma paciente e por questões religiosas ficou com um pé atrás, mas resolveu dar continuidade, só que no dia da cirurgia, com a paciente a sua frente ela surtou, deixando Lim fazer o procedimento. No fim levou um sermão de Lim, que mostrou como ela não foi profissional, deixando uma paciente, que já não estava em seu melhor momento, ainda pior.

Outros dois pacientes ajudaram essas questões de Lim, sendo a empata, que tentava conversar com todos sobre os seus problemas e ignorava os próprios, e o rapaz sofrendo de estresse e que de sua mente não saia o trauma que sofreu.

The Good Doctor | 4×05 – Fault

The Good Doctor trouxe um tema muito importante e que imaginamos que vários médicos devam passar após essa pandemia, que é o trauma por conta do estresse e da perda, e esse foco em Lim foi sensacional, mesmo que o episódio tenha se arrastado um pouco.

Postagens relacionadas