Reviews Séries & TV 

Perfect Harmony | 1×03 – No Time for Losers

Anna Camp continua completamente maravilhosa em Perfect Harmony, mas série começa não me interessar como nos primeiros episódios. Gosto dessa superação dos membros do coral, e como eles buscam moldar Dr. Arthur para uma vida simples, mas preciso de mais.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio/série. Continue a ler por sua conta e risco.

Arthur está aprendendo com o povo do interior a ser mais humilde e estar perto dos amigos, e Ginny é a amiga que ele precisava para isso, só que ele precisa lidar com a ansiedade dela para que ela possa brilhar em seu coral. Os dois acabam se ajudando, e no meio ajudando Cash, que tem dislexia.

Colocar Ginny para cantar foi o medo dela, pois ela não gosta de ser o destaque, e Arthur usa a técnica dela ser outra pessoa quando estiver no palco, então ela se espelha em Dolly Parton. Na noite do microfone ela acaba arrasando, deixando seus amigos felizes.

No meio desse aprendizado, Jax também precisa fazer a conciliação dos amigos Dwayne e Wayne, pois o ex de Ginny não perdoa o amigo por ele ter se apaixonado e se declarado por sua ex. Só que Wayne causou demais em seu casamento e Dwayne sempre foi encantado por ela. Quando eles a veem cantando Wayne comenta para o amigo que é impossível não se apaixonar por ela.

Espero que Perfect Harmony dê uma mexida no próximo episódio, pois devo parar aqui caso contrário…

Postagens relacionadas