legends of tomorrowReviews Séries & TV 

DC’s Legends of Tomorrow | 5×15 – Swan Thong [Season Finale]

DC’s Legends of Tomorrow conseguiu entregar um final de temporada com um desenvolvimento muito bom, além disso foi divertido e teve uma despedida muito bacana para uma personagem. A forma como reconstruíram uma timeline…

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Depois de todos voltarem a vida e saírem de dentro da realidade em que estavam presos em séries de streaming, da Destino+, as Lendas foram atrás de mudar tudo e para isso precisavam enfrentar as Moiras, e isso foi sensacional, ainda mais com ajuda de Gary e Mona.

As lutas em si foram rápidas, tiveram discussão sobre destino, livre arbítrio e como alguém pode ficar acima disso para o bem de todos, só que o encontro de Sara e Átropos colocou a deusa em uma posição bem difícil, já que com a nossa Canário Branco podendo ver o futuro com um toque, traiu a deusa e a destruiu dentro do tear…

Quando eles se dão conta, estão em uma nova realidade, onde todos não sabem o que fazer e Láquesis os controlam através de um smartwatch chamado Destino. As Lendas ficam sem reação, pois a WaveRider quase é destruída para descobrirmos que Gideon é quem faz as predições para as pessoas.

Láquesis colocou Cloto como a vilã maior, por ter traído e por isso ajudado a matar uma deusa, e a reunião de todos culminou na luta das Lendas contra vários vilões de momentos da história. O melhor foi vermos essa luta com Nate dançando ao som de “Thong Song“, com direito a participação de Sisqo.

A última luta é entre Cloto e sua irmã Láquesis, mas sem a Roda da Fortuna, elas não tem o que fazer, e assim termina todos esses jogos, com Astra decidindo viver sua vida da melhor forma possível e devolvendo a moeda da vida de Constantine.

Com as coisas no devido lugar, tivemos as evoluções dos personagens, pois com duas Zari, onde uma tem um caso com Nate e outra com Constantine, elas não poderiam co-existir, pois as duas linhas do tempo estavam brigando para isso, e assim Behrad poderia morrer. Vindo de um mundo sem o irmão, a Zari resolve voltar para o totem da família e se despede de Nate.

E por fim é Charlie/Cloto quem tem um momento de felicidade com sua banda de punk rock nos anos 1970 e ali resolve viver para sempre, deixando as Lendas seguirem suas vidas.

Personagem não retorna para 6ª temporada de DC’s Legends of Tomorrow!

No fim todos estão felizes, Ava consegue lidar melhor com seu espírito de co-capitã ao lado de Sara, Mona está mais feliz, Mick está mais ligado a Lita e sua mãe, resolvendo uma história de paternidade bem legal, e Mona e Gary tiveram seus momentos divertidos e importantes. Apenas Nate que terá que recomeçar sua vida amorosa…

Agora, a 6ª temporada de DC’s Legends of Tomorrow promete sair um pouco da Terra e o que vemos é uma luz raptar Sara sem que seus amigos vejam.

DC’s Legends of Tomorrow continua sendo uma das melhores e mais divertidas séries de herói do Arrowverse por saber desenvolver suas tramas e seus personagens, em um universo caótico que faz mais do que sentido dentro de sua premissa. Fora que o elenco tem uma química sensacional.

Postagens relacionadas