Warner Bros e DC dispensam Henry Cavill, o Superman

E fica ainda mais estremecido o universo DC na Warner Bros. Depois de muitos conflitos de agenda de Henry Cavill, o que o impede de fazer aparições em outras produções das empresas, como aconteceu com Shazam!, as empresas decidiram por rescindir o contrato com o ator.

De acordo com o The Hollywood Reporter, a Warner tentou fazer uma aparição de Superman em Shazam!, mas o ator estava envolvido em Missão Impossível: Efeito Fallout, produção onde Cavill co-estrelou ao lado de Tom Cruise, e agora o contrato de Cavill com WME piora ainda mais a situação. Lembrando que o ator será Geralt em The Witcher, para Netflix.

Outro ponto seria a mudança da Warner no foco de seus filmes, colocando agora a Supergirl e sua origem como uma super-heroína jovem, tirando assim o ator da reta por conta de sua idade.

Enquanto Cavill e Ben Affleck vão se afastando dos filmes do Universo DC, fazendo a empresa seguir em frente após Liga da Justiça, Gal Gadot retorna em 2019 em Mulher-Maravilha 1984, Jason Momoa estreia em dezembro o filme solo de Aquaman. Já Ezra Miller continua a bordo do filme The Flash, que tem previsão de iniciar as filmagens em 2019.

[ATUALIZAÇÃO]

A Warner Bros se pronunciou sobre a notícia dada pelo THR dizendo “temos uma grande relação de respeito mútuo por Henry Cavill que continua intocável. Acrescentamos que não tomamos nenhuma sobre os futuros filmes do Superman“.

A empresária de Cavill também se pronunciou através de sua rede social dizendo que “a capa continua e seu armário“.

Visualizar esta foto no Instagram.

Today was exciting #Superman

Uma publicação compartilhada por Henry Cavill (@henrycavill) em

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.