Reviews Séries 

This is Us | 3×14 – The Graduates

This is Us é aquela série que você mal entra no episódio e já se sente da família. O envolvimento com elenco, personagens e trilha sonora é tão grande que é impossível não sofrer com as tramas propostas, e o desenvolvimento que temos a essa altura dói no coração quando algo sai errado.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

A bebida é algo que não se larga facilmente e tudo vinha de forma tranquila para Kevin, mas aí notamos que ele não tinha voltado ao álcool antes por estar com a cabeça cheia, pulando de projeto em projeto, fazendo a premiere do filme, se envolvendo com Zoe, correndo atrás de Nick. Ele tinha um propósito.

Ao ver que Nick não quis sua ajuda e ter uma garrafa de whisky a sua frente, o fez cair na bebida por frustração, e só no final Kate vê que o irmão está incompleto e como sempre, mostra que fará o possível para ajudá-lo… Só que ela tem os próprio problemas.

Foi linda a atitude de Toby em lhe dar uma formatura, algo que ela não teve há 1 anos por conta do luto interno que vivia pela pai. Ali ela se reencontrou com a mãe, em uma cena bem linda, e ao ajudar o irmão potencializou o próprio estresse e causou um problema em sua gestação.

Voando para o hospital, Kate descobriu que o bebê nascerá prematuro com 28 semanas… Randall e Kevin prometem que ele irá sobreviver.

E falando em Randall, ele passou por momentos importantes com Deja, que lhe mostrou como ela está feliz em ter sua vida tranquila e no lugar ao lado deles, e nem ela podendo pular 1 ano para já ir para o Colegial a faz ficar feliz. Gostei da forma como ele lidou com a professora e foi compreensível da parte dela querer expor a incrível redação da aluna, mas não pensou na maldade de seus amigos.

Agora, a bomba novamente recai sob sua família… Beth estava realizada em poder dar aulas de dança, mas a remuneração não é o bastante, só que ela realiza um sonho. O pedido de Randall para ela largar tudo, dar uma pausa, para estar ao lado da família foi surreal, por mais que as intenções fossem boas, só que isso a machucou, já que ela deveria deixar seu sonho de lado para ele viver o dele. Nada será fácil…

E por fim tivemos Rebecca, que nos mostra como foi nos anos 90 o seu processo de luto, a dor de ver o tempo passando e Jack sendo deixado para trás. A dor de ver o grande amor de sua vida sendo “esquecido” foi muito bem mostrado, da mesma forma que nos desenham muito bem a dor de Kate em ter perdido alguém tão importante. É Miguel quem aconselha Rebecca a ir atrás de um grupo de apoio, e ela sofre, mas faz parte do processo.

Agora é ver os caminhos que a série irá seguir, já que This is Us consegue nos surpreender em algumas decisões.

Postagens relacionadas