The Good Doctor | 1×10 – Sacrifice

Shaun sobre pressão foi a melhor parte deste episódio de The Good Doctor, que conseguiu ir muito além e ainda tratar sobre abuso em ambiente de trabalho e confiança. O desenvolvimento da série segue bom, conseguimos nos conectar a seus personagens, e a trama do “episódio do dia” tem sido até que gostosa de acompanhar, mesmo com algumas reviravoltas simples.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Esse mid-season finale veio para complicar as coisas para esses personagens. Glassman pressionando Shaun a passar pela terapeuta foi intenso, pois ele não gosta deste tipo de intimidade forçada, e olha que ele vinha fazendo um ótimo trabalho com a vizinha Lea, e suas conversas com Browne sobre flerte e tudo mais. A pressão o fez sair de si e descontar em Glassman na frente do hospital, o forçando a fugir…

Antes, foi interessante demais vê-lo brigar por respeito perante Melendez, que mesmo aceitando suas opiniões, sempre a validava com Kalu. Foi importante que Bobby, uma estrela dos jogos online lhe dar um sacode para ver como é importante ele correr atrás do que precisa. Todo esse aprendizado e com suas decisões sendo um acerto, ele vinha fazendo uma evolução, mas a insistência até chata de Glassman o fez ter uma crise e sumir.

Melendez em sua vida particular também teve problemas, pois se antes ele enfrentou o pai de Jessica, saber que ela não quer ter filhos o deixou bem abalado.

O drama de Browne e o assédio do médico foi interessante, mesmo que rapidinho. A construção do momento foi bom, as falas dela para os amigos, Kalu não entendendo e menosprezando a situação até o médico chegar no limite. Ela confrontar ele e ter o apoio de sua paciente foi importante, mas infelizmente ela se viu em uma situação onde estava novamente indefesa, pois Kalu passou por cima dela para ir conversar com Andrews.

Fragilizada e irritada ela foi bater de frente com o residente, mas descobriu que por defendê-la ele acabou sendo demitido, pois agrediu um outro funcionário dentro do hospital.

Um grande defeito para mim é a quantidade de personagens de The Good Doctor, fica a impressão de que falta pessoas, pois tudo acontece ou com Kalu ou com Browne, enquanto a trama permeia Shaun e sua nova vida para socializar e se desenvolver. Este meio de temporada teve um final bem bacana e torço para que a série volte com histórias maiores e até melhores na próxima parte da temporada. Curioso demais para saber onde Shaun iria se esconder… Será que voltou para o lugar onde ficava com o irmão?

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.