The Good Doctor | 1×08 – Apple

The Good Doctor trouxe um questionamento bem interessante para Brownie: como agir quando seu paciente é um ladrão e nazista? Mesmo não indo fundo nas problemáticas, foi legal ver a trama da residente, enquanto todas as histórias deste episódio foram de certa forma causada por Shaun.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Shaun acordou disposto e foi ao mercardo, mas lá um assaltante invadiu a loja e lhe pediu para levantar as mãos e passar a carteira, o que lhe gerou estresse e o assaltante sem querer deu um tiro e a bala acertou uma garota que estava com seu ficante.

A partir deste ponto temos os dois personagens em destaques e duas ligações interessantes. Shaun queria ajudar a garota, mas o rapaz que estava com ela fica o acusando de ter sido o problema desde o início, daí mias bacana é novamente vermos Melendez defendendo Shaun e sua capacidade profissional. É legal ver a evolução da relação dos dois.

Durante o tratamento da garota também é legal ver Shaun e Kalu interagindo e melhorando a relação deles, um parabenizando o outro por usa escolha ter sido melhor e aqui no caso foi a de Kalu.

E neste processo de apredizagem de Shaun, outro que precisa aprender e crescer é Glassman, que acaba envolvendo demais com o rapaz e querendo protegê-lo de forma exagerada. Gostei de Shaun indo até a conselheira do hospital e conversando sobre o que o incomodou nesse processo, em que é julgado culpado pelo acidente, e ele só nervoso com a vizinha que invadiu seu apartamento todo falante e comeu sua maçã.

Brownie vê a tatuagem do assaltante e já fica com um pé atrás e quando Dra. Lim vê esse problema na residente, entrando em conflito com suas convicções, força ela a tratar o paciente, acima de qualquer coisa. Elas então entram em conflitos e o que mais deixa Lim irritada é o fato de Brownie bater de frente com ela na frente dos outros, tirando sua autoridade. No fim elas acabam se entendendo, e Brownie trata o rapaz.

The Good Doctor se mantém interessante e reforçando que Shaun tem suas limitações quanto ao autismo, mas está indo além disso, só que acima disso tudo a série traz bons questionamentos para todos os seus personagens, falando de ética e até amizade.