The Flash | 5×18 – Godspeed

E o foco o episódio de The Flash não foi o velocista Godspeed, mas sim Nora, a atrapalhada XS. Logo de cara vemos o time Flash querendo entender mais sobre os motivos da garota então eles resolvem ler seu diário… Vale lembrar que o episódio foi dirigido por Danielle Panabaker.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Foi legal ver o episódio trazer a força para Nora e colocar uma amiga tão viciada quanto ela na história do Flash, e Lia (Kathryn Gallagher, Você) cumpriu bem o papel de parceira, tentando até dar nomes para a garota. Nora é igual seu pai, toda inteligente, mas sente que tem algo que a prende, e Lia, ao se verem atacada por Godspeed, além de ajudá-la a entender os poderes que ganhou, ainda conta que não foi ele quem o deu, mas sim que ela tinha um bloqueador.

Lia então é morta, e Nora precisa ir até o único lugar onde tem um velocista para ajudá-la, e é Eobard quem vê a chance de sobreviver a algo iminente ao começar a ajudá-la a encarar seus poderes e voltar no tempo para resolver a linha do tempo. O legal é que em 2040 ficamos imaginando o que o leva a tudo isso, e quais os experimentos forçam nele, pois o mundo é contra os meta-humanos e há inúmeras iniciativas de proteção.

No presente, Iris acaba resolvendo dar uma nova chance a filha, e a tira da prisão para que ela se explique, mas Barry decide que ela não deve mais ficar no presente interferindo nas coisas e a leva de volta par ao futuro, deixando claro que se ela tentar voltar, ele sentirá. E antes de voltar para o tempo atual, ele vai até Eobard pedir que ele nunca mais se aproxime de sua filha.

A questão é que tudo pode mudar com o tempo que o Eobard está calculando. Além da nova linha do tempo, Nora nos mostra um vídeo de Barry no meio da Crise nas Infinitas Terras, a mesma que o dizima, e lá vemos o céu vermelho e uma batalha acontecendo.

The Flash começa a preparar as coisas para o fim…

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.