The Flash | 5×08 – What’s Past Is Prologue

E The Flash chegou ao seu 100º episódio, dirigido por Tom Cavanagh e cheio de passagens importantes pela série, voltando a momentos complicados de Barry e mostrando a Nora que ele muitas vezes precisou tomar decisões complicadas.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Com a ideia de Nora de criar um dispositivo que anulasse a adaga de Cicada, Barry e ela resolvem voltar a momentos importantes para criar a arma perfeita. Assim ele precisa da seringa de Zoom, parte da armadura de Savitar, enfrentar o Flash Reverso para ele consertar o objeto e por fim, voltar a explosão do acelerador de partículas.

Tudo isso foi uma viagem por momentos importantes dos 5 anos da série e mostrar uma outra realidade, mais madura, das decisões de Barry e do time, o que faz Nora se questionar de tudo o que tem visto, e de tudo o que viu no museu Flash, principalmente com a morte de sua avó e a forma que Eobard se envolveu nisso.

Com a arma em mão, todos estavam certo de que seria fácil derrotar Cicada, e até Vibro ressurge para rir da cara dele, mas o rapaz manda a adaga para o espaço, sem esperar que ele poderia evocá-la novamente, colocando todos em risco. Assim resta Nevasca para salvá-los, uma vez que ela não é uma metahumana…

Agora Cicada deverá se esconder um bom tempo, por conta de todos saberem sua identidade, mas o foco deverá se voltar para Nora e sua motivação em estar no presente, o que já sabemos, graças a ela enviar anotações para o futuro, de que lá ela está envolvida com uma versão mais velha de Harry, na verdade Eobard preso em sua forma. Tudo ainda sem muitas explicações sobre como ele foi parar lá… Lembrando que já o vimos em DC’s Legends of Tomorrow e até no Crise na Terra-X.

Foi legal rever momentos, rever a explosão, lembrar de Ronnie e Dr. Martin, e tudo o que todos passaram, e ainda evoluir algumas partes das tramas que estão desenvolvendo nesse ano de The Flash, não sendo só um especial.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.