The Flash | 5×07 – O Come, All Ye Thankful

E o episódio de origem do Cicada em The Flash foi praticamente um episódio especial de Dia dos Pais, mas não, foi um dia de Ação de Graças. Não reclamando, pelo contrário, foi bonito e singelo, e até os momentos de Nora com Barry foram bacanas, a fazendo questioná-lo sobre suas escolhas, e como ela pode não ser uma.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Nora compreende que o pai sempre irá se colocar em perigo e vê isso em ação, onde acaba precisando ressuscitá-lo, e isso a faz se questionar sobre o amor de Barry, e Iris abre os olhos da garota. Barry ainda tenta conversar com ela, mas ela fica relutante, falando que ele sempre escolhe salvar as pessoas e ela fica em segundo plano, já que ele desaparece anos mais tarde, deixando-a abandonada.

Achei interessante ela evoluir seu pensamento e compreender que o pai é assim, é um herói e sempre irá se colocar a frente das coisas pelo bem do mundo. Os dois enfrentam juntos a Feiticeira do Tempo, filha do Mestre do Tempo, mas diferente do pai que é metahumano, ela usa metatecnologia para manipular o tempo, já que tem uma parte do satélite em um cajado. Barry salva a todos no último instante.

Enquanto Barry e Nora investigava o tempo, os outros amigos iam atrás de Grace e seus pais e acabam finalmente chegando a identidade de Cicada: Orlin.

E ainda sobre esse lance de paternidade. Orlin era um cara que só reclamava e bebia, então sua irmã e cunhado morrem e ele acaba sendo obrigado a ficar com a sobrinha, Grace, e a medida que passam momentos juntos, ele vai aprendendo a dar valor não só a garota, que precisa dele, como a dar valor a própria vida. Quando os dois finalmente tem uma chance de estarem feliz, ele começa a se ver como um pai, o satélite explode e enquanto ele tem um pedaço empalado em seu peito, sua sobrinha entra em coma. Ele então promete destruir todos os metahumanos.

Da parte da Ação de Graças temos Sherloque questionando a festividade e quando Cisco e Caitlin/Nevasca tentam conversar sobre, até mesmo nerd acaba se questionando se devem comemorar algo tão complicado. No fim acabam tendo a festa que merecem.

Espero que não demorem para desenvolver mais sobre o tema e acredito que essa trama de Cicada já pode terminar no próximo episódio, dando tempo de explorar outras coisas após o crossover. Vamos ver as decisões criativas que The Flash terá para a outra parte da temporada.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.