The Flash | 4×05 – Girls Night Out

No dia da despedida de solteiro de Iris e Barry, as meninas simplesmente detonam uma traficante, enquanto os rapazes apenas arrumam confusão e vão parar na cadeia. The Flash soube aproveitar as duas situações a seu favor, trazendo Felicity para aumentar a galera, enquanto Ralph simplesmente rouba a cena ao lado de Cisco.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Tratando sobre feminismo de forma mais suave, mas deixando sua marca, as mulheres vão com tudo para cima da vilã Amunet, que consegue tirar até Nevasca do sério e deixá-la com medo. Com todas juntas elas salvam o dia e fazem a vilã que controla um tipo específico de aço perder um grande tesouro, um rapaz que chora lágrima de amor, capaz de viciar. Na briga ele acaba fugindo e sendo pego por DeVoe, o Pensador, que tem grandes planos para eles.

Voltando para a dinâmica das meninas, é interessante ver como elas são trabalhadas de forma forte e disposta a uma apoiar a outra, principalmente sem os rapazes para dar uma ajuda. Apenas usando inteligência elas destruíram tudo e ainda fizeram Nevasca ceder um pouco. Gosto desse anti-heroísmo dela, que é capaz de salvar, mesmo que o seu oponente perca uma mão. O discurso de Iris para a amiga, seja sobre matar, seja sobre ser sua madrinha, foi bem legal.

Ralph se encaixa bem no grupo por ser fora do controle, como era o Harry que Savitar matou, assim temos alguém que tira eles da zona de conforto, já que o Harry da Terra-2 é mais centrado, enquanto Cisco tem seus momentos e Barry está bem mais leve, mas não pode ser sem limites. Todos ali se encaixam bem na atual dinâmica.

Amei o Joe dando uma de paizão para cima de Joanie, filha de Cecile, e ali ele viu a complicação que terá em ter um filho nessa altura do campeonato. Esperando muito por esses momentos família dos dois.

The Flash de volta a base mais cômica e com ação interessante está demais! Fez muito falta até mesmo o Barry bêbado.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.