Supergirl | 5×05 – Dangerous Liaisons

Supergirl ainda foca na construção de seus dramas, só que ainda deixa algumas coisas a desejar em seu 5º episódio… Vemos que Lena consegue o que quer e um pouco mais, já que a força que acaba tendo é intensa, enquanto a relação de Kara e William continua sem sal.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Forçam uma relação dos dois jornalistas que não convence, e esse desejo absurdo dela em ajudá-lo fica superficial. Entendemos mais sobre Rip Riot, o vilão do episódio com braços mecânicos, mas logo fica na cara que ele é o amigo que William acha que perdeu para Andrea.

Andrea tem um objetivo de divulgar o máximo que puder a Obsidian e sua tecnologia, usando todos os recursos e áreas da CatCo, e no final entendemos que isso é um plano maior para Leviatã, que acaba colocando todos os humanos conectados em algo que podem dominá-los, da mesma forma que Lena quer usar sua ciência.

Muitos dramas pessoais com Kelly e Alex aprendendo mais uma sobre a outra, enquanto dão um tempo para Brainy e Nia, tempo bem necessário depois de alguns problemas nos episódios anteriores.

No final Malefic acha que está sob controle e usando Lena, mas ela demonstra que conseguiu usar sua ciência para captar a mente dele e como ele controla as pessoas jogando o poder dele contra ele mesmo.

Lena conseguiu seu objetivo.

E nos resta esperar o que vem mais de Supergirl

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.