Star Trek: Discovery | 1×06 – Lethe

O episódio começa nos mostrando Sarek e outro vulcano, se preparando no planeta Vulcano para sair em missão, mas sem nos revelar muito. Destaco aqui a linda paisagem de Vulcano, que é um planeta montanhoso e árido, mas com seus prédios tenológicos em meio as montanhas e pedras. A fotografia e os efeitos especiais tem sido um agrande fator a favor de Star Trek: Discovery.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Já na U.S.S. Discovery vemos Michael treinando a oficial Tilly, sua entusiasmada companheira de quarto, e aconselhando a mesma em seu desejo por ser uma capitã da Federação. De um lado vemos a relação entre as duas crescer, enquanto uma nova relação surge na nave com o convite do Capitão Lorca para Ash Tyler, o prisioneiro dos klyngons no episódio anterior. Particularmente, vejo esse novo personagem com desconfiança, talvez um possível traidor da Federação para os Klyngons.

Na nave de Sarek, vemos o resoluto pai de Spock e mentor de Michael sofrer um atentado terrorista, deixando-o mortalmente ferido. Com esse ataque e a ligação mental entre o Vulcano e Michael, ela passa a sentir suas dores, assim como a ter visões das lembranças de Sarek.

Todo o episódio se concetra na busca de Michael por Sarek, enquanto investiga a lembrança de seu mentor, do dia em que Michael soube que não poderia entrar no Grupo Expedicionário Vulcano. Podemos ver várias vezes as reações de Michael e sua mãe adotiva, Amanda, e com isso Michael questiona o porque Sarek se prender a tal memória.

O Capitão Lorca recebe a visita da Almirante Cornwell, que questiona as decisões do capitão, que ao ser criticado muda o foco de sua conversa levando a almirante para a cama. Isso achei um tanto quanto forçado, pois a Almirante simplesmente se deixa levar, imediatamente parando de questionar o colega. Até que ao acordar ao lado da colega, o capitão mostra o quanto ainda sofre pelos combates do passado, ao ameaçar ela com um feiser que guarda embaixo do travesseiro.

Michael, com a ajuda de Tilly e Tyler, consegue alcançar a mente de Sarek e questioná-lo, até que o mesmo confessa que no passado foi preciso escolher entre Michael e Spock para entrar no Grupo Expedicionário Vulcano, e ele escolheu Spock, e o filho escolheu a Federação. Mesmo sabendo disso Michael continua em auxiliar Sarek que é resgatado.

Se aproveitando do resgate de Sarek, que ferido não está em condições de continuar sua missão diplomática em tentar conversar sobre a paz com os klingons em um território neutro, o capitão Lorca envia a Almirante Cornwell, que lhe avisa que após essa missão avisará a Federação sobre o que percebeu do capitão e o mesmo será afastado. Mas a missão dá errado, e a Almirante é capturada pelos Klingons.

Nesse episódio pudemos ver Michael se aprofundando mais ao entrar em contato com suas emoções, e o mesmo acontece com o capitão Lorca, que não só nos mostra um pouco mais do que está disposto a fazer em tempos de guerra, como também fico a questionar sobre o quanto ele sabia (ou não) que a missão diplomática daria errado. E finalmente o capitão ofereceu uma patente a Michael, que aceitou, o que nos leva a esperar mais reações da tripulação com o novo status da amotinada, principalmente envolvendo sua relação com Saru.

Vida longa e próspera!

Lucas Rafael Faccioli

Nerd leitor de quadrinhos. Marvete de coração, dcnauta em crescimento.