Pretty Little Liars | 7×14 – Power Play

Pretty Little Liars chega para trazer uma das mentirosinhas ainda mais mentirosa… Confuso não? Mas é a trama de Marlene King que quer brincar com todas as possibilidades em seus últimos momentos e até jogar uma das amigas contra é possível de ver, principalmente se isso a tira do jogo de -AD. Além disso, nada como violar o corpo de uma mulher para que a produtora fique feliz… Sim, tenso e chocado com o desenrolar de tudo.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

A primeira coisa a saber é que Furey sabe do dedo de Archer e já foi até Alison para deixar claro que ela pode ser uma suspeita da morte de seu marido, mesmo ele fazendo todo o jogo para lhe tirar o dinheiro. O que piora um pouco isso é o fato do detetive estar dormindo com Spencer. O caso deles complica a investigação e tira Toby um pouco do foco para ficar em seu luto por Yvone.

O momento mais desnecessário é o retorno do romance de Emily e Paige… Sério, não poderia voltar em um momento tão importuno, ainda mais depois de mostrar Paige com medo, raiva e insegura. Não sei até onde tudo isso irá, mas é certo que a jogada de Alison foi a mais complicada de -AD e a mais maluca de todas.

Alison está grávida, mas a fecundação foi feita com os óvulos de Emily, mas não sabemos de quem foi o esperma utilizado. Uma trama bizarra, que machuca e deixa todas as garotas fora de si com tamanha monstruosidade e invasão do corpo de Alison, além do roubo dos óvulos. Marlene exagerou nessa trama e sambou com as possibilidades. Espero uma saída mais humana e emocional para tudo isso.

Voltando a Spencer, ela descobriu em uma conversa com seu pai, Peter, que Jessica foi morta pela própria irmã, Mary, mas como nada é o que se diz até termos um vídeo ou flashback, espero por outras saídas, e não duvido que ele tenha matado Jessica achando que era Mary… Ainda há o fato de Mary ter encontrado com Spencer quando a mesma saiu da rehab.

E falando em Mary, ela está com Ted e para Hanna ficou o fato dela descobrir que o pastor é pai de Charles, ou melhor, de Charlotte. Ele saiu com Mary há anos, ela teve o menino e ele ainda teve um contato com ele em um acampamento, mas nada além disso… Hanna ainda terá mais uma vez a chance de se provar e ganhar uma peça, mesmo depois de perder quase tudo, incluindo Caleb que poderia ter morrido. Não sei o que Lucas fará para ajudá-la… Ah! Charles tinha um amigo chamado Lucas e este poderia ser o mesmo…

Por fim temos Aria ficando cara-a-cara com -AD, ou melhor, com uma de suas bonecas, que aqui é Sydney, que cheia de medo transmite as ordens da entidade para Aria que quer sair do jogo para poder ficar em paz com Ezra. Mas será que ela terá coragem de se voltar contra as amigas? O que -AD tem contra Sydney, Jenna e os outros?

Vamos ficar no aguardo e com esse samba acompanhamos os momentos finais de Pretty Little Liars… O que está achando das tramas destes últimos momentos?