Personagem de Rogue One: Uma História Star Wars era para ser um Jedi

Rogue One: Uma História Star Wars estreou na última semana, e você pode conferir a crítica do Arroba Nerd aqui, mas ainda tem rolado muitas informações sobre a mais nova produção de sucesso dentro do universo criado por George Lucas.

De acordo com o Comic Book Movie, um personagem era para ser originalmente um Jedi no filme de Gareth Edwards. No livro The Art of Rogue One: A Star Wars Story, o escritor Chris Weitz comenta que nos primeiros roteiros do filme havia um cavaleio Jedi.

Durante boa parte da história havia Jedi próximo a eles, mesmo que somente em plano de fundo“, Weitz então revela, “a mãe de Jyn era uma Jedi“. Se você analisar faria muito sentido e explicaria o motivo de Galen ter abandonado o Império, além de ser uma dica do motivo dela ter passado um cristal Kyber para Jyn.

A questão então muda para, porque não mantiveram Lyra (Valene Kane) como Jedi? “Achamos que seria mais interessante ter uma história sem o poder da Força, sem os sabre de luz. Poderíamos explorar um período de quebra de fé, de uma galáxia sem esperança.  Eles se desesperaram porque os Jedis se foram… E com eles, para muitos, até a memória da Força. O que significa que nossa história poderia ser sobre pessoas normais forçando a si mesmos a irem além de suas limitações“.

E aí? Rogue One deveria ter explorado mais sobre os Jedis? Deveriam ter colocado mais lutas com sabres de luz?

Rogue One: Uma História Star Wars teve direção de Gareth Edwards e conta no elenco com os atores Felicity Jones, Diego Luna, Ben Mendelsohn, Donnie Yen, Mads Mikkelsen, Alan Tudyk, Riz Ahmed, Jiang Wen e Forest Whitaker.

Rogue One: Uma História Star Wars já está em cartaz os cinemas.

Leia mais sobre Rogue One: Uma História Star Wars.
Leia mais sobre Star Wars.