Netflix fecha contrato global de exclusividade com Álex Pina, criador de La Casa de Papel

A Netflix anunciou hoje um contrato de exclusividade com o premiado e inovador roteirista e produtor Álex Pina, a mente criativa por trás de La Casa de Papel, a série em língua não-inglesa de maior audiência da Netflix.

Pina é fundador da produtora espanhola Vancouver Media e criador das bem-sucedidas séries Vis a Vis, El Barco e Los hombres de Paco. Pelos termos do acordo, ele produzirá novas séries e projetos com exclusividade para os 125 milhões de assinantes Netflix do mundo todo.

Erik Barmack, Vice-presidente de Conteúdo Original Internacional da Netflix, disse: “É um grande prazer anunciar o acordo com Álex Pina e poder trabalhar com um criador e uma equipe de produção tão talentosos. Temos certeza de que Álex continuará quebrando barreiras e conquistando o mundo todo com sua visão e histórias tão singulares“.

Álex Pina complementa: “Trabalhar com a Netflix é um sonho realizado. Estamos vivendo um momento em que as séries estão se tornando um dos mais relevantes fenômenos culturais da história. A possibilidade de alcançar os lugares mais remotos do planeta e construir um mundo onde conteúdos de todos os idiomas tenham acesso global é parte do sonho de milhares de mentes criativas de todas as partes. Produções de pequenos lugares do mundo podem hoje alcançar a todos. Nós tínhamos que estar ao lado da Netflix participando desse desafio revolucionário“.

Após o sucesso mundial das partes 1 e 2 do fenômeno espanhol, o próximo passo como parte do acordo é o início da produção da parte 3 de La Casa de Papel, com lançamento previsto para 2019. Dentre outros projetos escritos e produzidos por Pina, está Sky Rojo, um drama de ação com protagonista feminina atualmente em desenvolvimento e com início de produção previsto para 2019.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.