Música para Cortar os Pulsos, do palco do teatro para as telas de cinema

A peça Música para Cortar os Pulsos (prêmio APCA de Melhor Peça Jovem) foi adaptada para o cinema e as filmagens já estão a todo vapor. Assim como a peça, o longa terá como ponto central o romance entre três jovens: Isabela (Mayara Constantino), Ricardo (Victor Mendes) e Felipe (Caio Horowicz). Denise Fraga interpretará Berenice, mãe de Felipe. Já o papel de Alice, avó de Isabela, fica por conta de Suely Franco, e Gabriel, ex-namorado de Isabela, será interpretado por Ícaro Silva.

Música Para Cortar os Pulsos, em sua versão para os palcos, tornou-se um texto de referência na dramaturgia para jovens, tendo ficado três anos em cartaz e viajado para mais de 30 cidades brasileiras, colecionando prêmios, elogios da crítica e sucesso junto ao público. Além do amor, seus temas abarcam também a sexualidade e, especialmente na adaptação para o cinema, a influência da tecnologia nos relacionamentos contemporâneos.

Rafael Gomes, responsável pelo texto e direção da peça e agora também roteirista e diretor do filme, explica que a inspiração para a história partiu das relações amorosas a sua volta. “Eu via como todos os meus amigos estavam enredados em diferentes teias amorosas, e a maneira como esse era sempre um assunto, sempre ‘O’ assunto. E como esses amores todos sempre buscavam referências e apoios para se justificar, para se entender, para existirem, propriamente ditos… Eram músicas, filmes, livros, peças, toda e qualquer coisa que pudesse dar pistas, dar recheio, traduzir o que sentíamos e nos ensinar, por reflexo, o que estávamos sentindo”.

Inteiramente rodado na cidade de São Paulo, a paisagem urbana é mostrada por meio do cotidiano das personagens, como trabalho, faculdade, bares, ruas, cinemas, festas e transporte público. Porém, o diferencial do longa, segundo Rafael Gomes, será a diversificação dessas paisagens, saindo do comum e sugerindo um novo imaginário urbano ao expectador.

Na trilha sonora, assim como na peça, haverá participações especiais de músicos e nomes conhecidos da música brasileira. Música para Cortar os Pulsos é uma produção da Lacuna Filmes, a mesma de Hoje eu Quero Voltar Sozinho, que tem Diana Almeida como produtora responsável, em mais uma parceria de distribuição da Vitrine Filmes, que também foi responsável pelo lançamento do filme dirigido por Daniel Ribeiro.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.