Marvel – Manto e Adaga | 1×09 – Back Breaker

E mais uma vez vemos Marvel – Manto e Adaga sair de sua zona de conforto e antes de sua season finale revirar o drama de seus personagens. Gostei que Tandy, Ty, Evita, Hess e O’Reilly tiveram suas vidas conectadas e modificadas após o encontro com os dois heróis… E falando em heróis, este foi o maior tema do episódio, falando sobre a necessidade de se conectar, se encontrar, desconstruir e se reerguer.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Para O’Reilly fica a investigação da morte de Fuchs, que com certeza está ligada ao fato dele estar durante a cena em que O’Reilly coloca Connors contra a parede e o leva preso. Lembrando que Connors sempre teve as costas quentes dentro da delegacia.

A grande questão da morte de Fuchs é que agora Connors usa Tyrone como bode expiatório. Durante o episódio o vemos lutando contra sua raiva e seus medos, e até colocando o Padre contra a parede, mas ele compreende que precisa agir de uma outra forma para não acaba como o próprio irmão, e isso a pedido de sua mãe. No fim o vemos fugindo pela janela para não ser pego pela polícia.

Tandy é quem fica perdida e vê que nem mesmo o melhor que poderia esperar de seu pai não corresponde as suas esperanças. Nisso ela se joga nas drogas, mas ao tocar em um homem com quem sai para ganhar dinheiro, acaba compreendendo que seu dom também serve para “roubar” as esperanças das pessoas quando as toca.

Ela então começa a viciar nesse êxtase que se torna essa assimilação das esperanças dos outros, jogando isso contra Liam e até Mina.

Gostei dela voltando para a mãe em busca de um refúgio, mas isso só depois de descobrir que Liam roubou todo o seu dinheiro escondido na igreja. Em casa ela vê uma assassina de aluguel da ROXXON indo até ela para dar fim nela e em sua mãe, colocando-as em risco.

Antes de tudo isso, Ty acaba chegando até Tandy bem na hora em que ela tenta roubar mais da felicidade de Liam, e os dois acabam descobrindo que Evita é capaz de evitar o dom dos dois. Assim temos Evita e sua Tia descobrindo que eles são as duas pessoas conectadas que elas buscam para evitar o pior para New Orleans.

O começo do episódio levando a Tia até uma saída da ROXXON e morrendo de medo do que isso pode significar, acaba colocando Mina sendo encurralada por trabalhadores da ROXXON que acabam entrando em contato com o gás que faz sua ira exalar por todos os poros.

Marvel – Manto e Adaga finalmente começa a explorar algo maior que o drama dos personagens, mas sem esquecer que eles são adolescentes lidando com grandes problemas e se tornando a esperança da cidade, mesmo que eles estejam “quebrados”.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.