Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. | 6×05-06 – The Other Thing / Inescapable

Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. parece ainda perder tempo querendo consolidar as coisas da temporada e reforçar alguns acontecimentos e assim acaba atrapalhando o desenrolar das coisas. Mesmo com um episódio tão interessante como o de Fitz e Simmons, ele acabou arrastado e mesmo sua conclusão deixa a desejar ao trazer um pouco do óbvio.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.<

A Outra Coisa” do episódio 05 acaba sendo um confronto entre May e Coulson que traz memórias para todos os personagens e parecem deixar de lado o fato de uma entidade bizarra estar evoluindo e tomando conta dos planetas até sua destruição, o motivo de Sarge, ou Coulson do mal, estar atrás de todos.

No meio disso temos conflitos e ainda falta alguma coisa para ser solucionado, e que em “Sem Escapatória” acaba não respondendo, mas servindo para mostrar que o melhor de todos os agentes são não só suas próprias habilidades, mas também a amizade que eles conquistaram.

Enoch acabou matando Atarah para justificar a fuga de Fitz e Simmons, e tentando colocar no chronicom uma consciência mais amistosa e que justifique a viagem no tempo para salvar sua raça e planeta.

Enquanto presos em suas consciências, Fitz aprendeu um pouco do que aconteceu em sua “ausência”, incluindo sua morte, enquanto Simmons se esforçou para esconder algumas coisas. O interessante foi ver Leopold, a versão da HYDRA de Fitz, vir encontrá-lo para tomar o controle de Fitz novamente, enquanto vemos uma Samara, de O Chamado, se materializar na forma de Simmons, que colocou todos os seus piores sentimentos dentro de uma caixa e criou o monstro.

No fim Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. ainda rascunha o seu maior problema da temporada e nos deixa na mão em tramas que ainda precisam de um desenvolvimento mais consistente e saia desse esforço em se apegar ao carisma de seus atores, e a construção que tiveram até aqui.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.