Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. | 5×18 – All Roads Lead…

Essa semana Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. colocou uma personagem fazendo o que for necessário para salvar o destino da Terra e até que gostei disso, pois sem grandes atitudes o futuro devastador não seria evitado, mas amei que isso ao mesmo tempo os coloca em linha de choque com sua própria linha do tempo, gerando grandes conflitos.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Alex e Ruby pressionaram Fitz e Simmons para arrumar a câmara de injeção do Gravitonium na garota, que se mostra mais do que determinada, só que o problema é que assim como Creel, ela não consegue lidar com os 8% de Gravitonium que entra em seu organismo.

Antes dela ter o Gravitonium aplicado, May e Daisy conseguem invadir o quartel-general de Hale e ela se entrega, com a condição delas salvarem a sua filha. O problema é que elas não conseguem controlar a garota quando chegam no local e dão de cara com ela flutuando e todos a observando boquiabertos. Ruby então mata Alex em um ato de descontrole e coloca a vida de todos em risco.

Daisy não tem coragem de agir, Hale não consegue convencer a garota a ter o controle de seu corpo, já que as mentes de Ian Quinn e Dr. Hall estão presas dentro da matéria e ambos vivem discutindo querendo sua liberdade. Como agora a matéria está dentro de Creel e Ruby, ambos não tem controle de sua mente.

Com Ruby descontrolada, quase matando DAisy e até mesmo a própria mãe, sobra para Ioiô tomar alguma atitude e sem pensar duas vezes acaba degolando a garota com seu próprio aro. Tomar essa atitude a sangue frio mostra como a personagem foi afetada por sua visita ao futuro e pelo encontro com ela mesma. O problema é que isso acaba acelerando outras ações, como Hale descontrolada e sem ter o que amar, indo pedir a Qovas, o alien da Confederação, tomar logo alguma atitude, já que o Gravitonium que ele quer está de posse da SHIELD.

Vale lembrar que Qovas prometeu ajudar a Terra conta a invasão alienígena que aconteceria, desde que fossem lhe entregues todos os Inumanos do planeta.

Longe desse drama temos Talbot se mostrando orientado pela HYDRA a pegar Robin e assim ter o futuro conhecido, já que a SHIELD começou a agir através das previsões da Inumana. Lógico que as coisas não saem como era esperado e Mack e Coulson conseguem evitar que ele cause mais problemas. Não sei ainda como a previsão de Ioiô sobre tentarem salvar Coulson pode se encaixar nessa linha do tempo e sigo ansioso para ver isso.

Agora, Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. foi divertida ao tratar os sentimentos de Deke por Daisy e a forma como Coulson e Mack conversam com ele. É até engraçado ver esse lado mais cômico com tanto drama rolando para evitar o fim do mundo. E o próximo episódio já promete uma invasão… Infelizmente já não vejo como isso poderá ter relação de background com Vingadores: Guerra Infinita, distanciando ainda mais a série do MCU.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.