Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. | 5×09 – Best Laid Plans

E nos aproximamos do retorno para o presente dos agentes da SHIELD e demoraram para isso. Por mais que esteja curtindo muito esse arco de Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. a série desenhou de forma excelente a história que queria contar, mas demorou a trazer sua conclusão, criando uma barriga sem sal. Ao menos agora vemos uma luz no fim do túnel.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

A ida de Flint com eles para o passado é certa, mas antes ele precisa se identificar como o herói que a humanidade precisa e no farol ele o faz. Mesmo com Kasius querendo se mostrar um deus trazendo Tess de volta, Yo-Yo, Mack e Flint não se abalam e dão um jeito de isolar os humanos em um andar do Farol e dividir o local, explodindo o andar da ala médica onde Kasius criava seus Inumanos.

Gostei dessa parte, mas demoraram para mostrar o que eles fariam, o retorno de Tess foi sem sal, deixando o melhor para o conflito de ideias entre Yo-Yo e Mack, que devem ter grandes atritos a partir daqui. Gostei de ver Kasius se lembrando de Helena, mas o melhor foi seu grito de desespero ao ver que perdeu mais uma batalha.

Na Zephyr vemos Jemma e Fitz correndo de um lado para o outro mexendo em fios sem entender o que acontece com a nave, que foi modificada de forma que eles não conhecem o novo projeto, que foi criado por eles na outra linha temporal. Então eles compreendem partes da mudança e como usaram Gravitonium para controlar o lugar. Achei meio exagerado algumas coisas aqui, que poderiam ter sido abordados de forma diferente.

No fim das contas May conseguem pilotar a nave dentro de uma tempestade gravitacional e mantê-la em órbita dos restos de pedra que virou a Terra. Já Daisy precisa lidar com Sinara, que quer impedir eles e ainda levar a cabeça da Destruidora de Mundos para Kasius. Acaba que ela consegue matar a lutadora em uma luta na gravidade que poderia ter sido bem mais bacana, e não entendemos muito o que Deke pretende fazer. Agora é ver o que Daisy irá fazer com o seu inibidor do poder, pois ela decidiu ser conhecida apenas como uma agente da SHIELD e não mais uma Inumana, muito menos Tremor.

Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. deve finalizar seu arco espacial no próximo episódio, mas fico empolgado em imaginar como a série irá se ligar com Vingadores: Guerra Infinita, principalmente com as palavras de Kasius, onde ele cita a queda de aliens na Terra e durante essa luta, teoricamente, Daisy destrói tudo.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.