Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. | 5×07 – Together or Not At All

Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. até que teve uma saída fácil para alguns pontos, mas não que ela não tenha sido menos interessante. A força dada a Flint foi excelente e Kasius finalmente se ergueu ao lado de Sinara, mas é a interação de Jemma e Fitz que segue apaixonante.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Johnson, Fitz e Simmons conseguem escapar de Kasius, mas o irmão dele manda um de seus homens atrás deles, só que Fitz é mais esperto, e com Daisy sem poderes e Jemma tendo que ter o dispositivo de sua cabeça retirado, eles se saem bem e conseguem se encontrar com Coulson, Mack, Yo-Yo e Flint. Tudo isso até que é bem rápido, e então temos Deke que entra de novo jogo e os levam até uma nave para levá-los a superfície destruída da Terra.

O que mias gostei foi ver Sinara saindo de sua zona de conforto e tomando atitudes, como matar Manston-Dar e ao ser exaltada por Faulnak, enquanto o mesmo menospreza Kasius, acaba sendo morto pelo irmão, que só queria seguir bem aos seus olhos, mas que não há como isso seguir adiante. Com o irmão morto, Kasius pode ir como guerreiro até o pai e talvez até levar a Destruidora de Mundos, e assim ter Sinara ao seu lado.

Os humanos vendo Flint se erguer contra os Krees pode ser uma forma deles se unirem e ganhar mais força, mas o melhor foi vê-lo usando seus poderes, que pode render ainda mais momentos interessantes a partir deste ponto. Volto a repetir que se bobear foi até por ele que Robin os mandou até o futuro.

Então temos o retorno de Robin, que está em idade bem avançada neste futuro e seu encontro com May e Enoch traz de volta a Zephyr, a nave da SHIELD, e pode ser uma forma de resgate bem interessante. Foi legal ver sobre as tempestades gravitacionais que acontecem na superfície devastada.

Outro retorno que tivemos, mas não de uma forma mais esperada, foi do Gravitron, substância lá da primeira temporada que retorna em sua forma líquida e manipulada de maneira a fazer a estação de sobrevivência dos humanos manter sua gravidade.

Marvel – Agents of S.H.I.E.L.D. segue fazendo um arco interessante, com ação mais comedida, mas cheia de informações e ligações com o início da própria série e não sei o que aguardar com o retorno deles a sua linha do tempo, tirando o fato de sabermos que temos uma nova General de olho neles, já que Talbot segue internado.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.