Líder da Riot Music, Toa Dunn, confirma participação na CCXP

Você já se perguntou como uma empresa de jogos online, como a Riot Games, ficou tão boa fazendo música? Boa o suficiente para ter seu próprio estúdio, bandas virtuais e singles que alcançam milhões de visualizações no Youtube e o topo do ranking da BillBoard? O nome por trás desse sucesso é Toa Dunn, líder da Riot Music, e Beckett Snedeker-Short, produtor criativo da publisher. Ambos acabam de confirmar participação na CCXP19.

Dunn e sua equipe vão apresentar um painel na sexta-feira, das 18h30 às 19h15, no Auditório Ultra, quando revelarão ao público algumas curiosidades de bastidores, como é o processo criativo e a inspiração por trás de bandas como Pentakill, K/DA e a recém-lançada True Damage, que fez sua estreia na cerimônia de abertura do Campeonato Mundial de LoL, no dia 10 deste mês, com vocais de Becky G, Keke Palmer, SOYEON, DUCKWRTH e Thutmose.

Riot Games na CCXP19

Desenvolvedora do League of Legends, um dos jogos eletrônicos mais populares do mundo (100 milhões de jogadores ativos), escolheu a CCXP, maior festival de cultura pop do planeta, para comemorar os 10 anos do game e consolidar sua posição no mercado de entretenimento, com investimentos em quadrinhos, música, vídeos e muito mais. Com um estande de 400m², a Riot promete entregar experiências únicas aos fãs de League, que, desde a chegada do jogo no Brasil, em 2012, já acumularam 3.450.941.112 de horas jogadas, o equivalente a quase 7 bilhões de partidas.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.