Legends of Tomorrow | 2×03 – Shogun

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

E as lendas do amanhã continuam aprendendo a trabalhar em equipe, e por mais que tenha tido muitos pontos positivos este episódio, Legends of Tomorrow ainda precisa aprender muito e mostrar a que veio, pois continua parecendo apenas mais uma série avulsa pra justificar contratos.

BEM-VINDOS AO JAPÃO

Aqui colocaram Ray ao lado de Nate para ensiná-lo a dominar seus poderes, mas ambos acabam se enrolando na brincadeira, mostrando a imaturidade deles, acabam danificando a nave e indo parar no Japão feudal. Faltou tempo para justificar o aprendizado deles e apenas seguiram o roteiro para justificarem a conclusão deles.

Ray perdeu sua armadura e Nate conseguiu se transformar por conta própria em Captain Steel, mas só… Até o romance dele com Masako foi ruim de doer.

Legends of Tomorrow

LIDERANÇA

Parte boa para mim só ficou para a forma como Amaya consegue mexer com Mick e toda sua interação com Sara. Aos poucos a Canário Branco vai se mostrando uma ótima liderança, um frescor para a série, mas ainda não segura as pontas.

Jefferson e Martin, após arrumarem a nave destruída por Ray e Nate, os dois acabam descobrindo por Gideon um compartimento secreto, que Rip escondeu deles, e com motivo, pois há muitas armas nele. Único problema é que eles descobriram um grande segredo: uma mensagem de Barry, o The Flash, para Rip… O que fazer com isso?

Sendo uma série que já é meio sem explicação, Legends of Tomorrow fica batendo na tecla de que não pode atrasar as coisas, não mostra a que Eobard e seu Flash Reverso veio e com poucos episódios ficamos a mercê da falta de uma história interessante. Contando o tempo para parar com a série, ou ela ser cancelada antes…

Fico por aqui, comentem e to be continued