How to Get Away with Murder | 6×08 – I Want to Be Free

E How to Get Away with Murder acaba precisando liberar a realidade sobre Muller para ajudar o caso de Nate e fazer com que Birkhead fique mais próxima de ser presa, mas novamente temos Xavier Castillo envolvido no assunto.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

A série dividiu bem os dramas entre Annalise, o caso de Nate e a parte da faculdade dos garotos. Mas é a descoberta de algumas coisas do futuro que mudam a dinâmica da percepção do futuro e o que provavelmente aconteceu com Annalise.

No presente Tegan e Bonnie fazem o possível para colocar Birkhead no julgamento e Nate está disposto a ir fundo nisso, pois quer que o pai tenha um pós-morte tranquilo, mas ele não pensa nas merdas que ele mesmo fez após saber disso.

É aí que Annalise e Frank entram e acabam trazendo à tona uma informação que limpa o nome de Muller, pois todos agora sabem que Xavier é quem está por trás disso, e com isso Bonnie volta a se culpar dolorosamente, pois ela ajudou Nate a matar Muller. Não sei qual será seu destino na série, mas ela deve pagar de alguma forma.

No meio disso, Annalise coloca o caso da Branca de Neve e como ela e os Sete Anões podem ter matado a Rainha Má e promete dar os mais de 60 mil dólares para quem chegar com algo real.

Indo de abuso até um pai que quer a morte da madrasta, Connor, Gabriel, Michaela e os outros alunos tentam o possível, mas é Asher quem acaba levando o prêmio, pois acaba entendendo que não acharam o corpo, e assim a Rainha Má armou para Branca de Neve… Assim, temos alguma explicação sobre os caminhos da série.

Asism, num futuro um pouco mais próximo, Annalise usa um app para começar a fingir a própria morte e simplesmente sumir do mapa, com direito a nova identidade e toda uma simulação… O que deve render o seu funeral, que no fim das contas pode ser falso.

Vamos ver até onde How to Get Away with Murder vai seguir nessa última temporada.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.