Homeland | 6×08 – alt.truth

E a casa começa a cair! Impossível não ficar eufórico com as tramas se amarrando e se confirmando que Dar Adal está com dedo em tudo e Homeland mais uma vez nos deixa ansiosos para os episódios finais de sua temporada. Confesso que essa foi mais lenta, mas desenhou um panorama completamente diferente das anteriores, focando mais nas relações internas dos Estados Unidos.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Desestabilizar Keane fazendo um programa destruindo a reputação de seu filho já seria algo terrível de se fazer, mas fazer um programa com o mesmo intuito e distorcendo a realidade dos fatos, uma vez que foi dito que ele fugiu e morreu com um tiro nas costas, quando na verdade ele estava ajudando uns amigos feridos no chão é jogo baixo. Lógico, tem dedo de Dar Adal…

Fazer Carrie perder Frannie e implorar ajuda a Keane também serviu para colocá-la como instável e fazer a presidente-eleita se afastar dela, e também tivemos Jivadi prometendo informações a Saul, para no fim se mostrar um homem de Adal. Dar e a CIA conseguiu amarrar todas as informações e fazer Keane comer em sua mão novamente, mas tem uma pedra solta nisso tudo: Peter Quinn.

O grande problema de dependerem de Peter é quanto a sua mente, que ainda não esta processando as coisas tão rápidas, ao menso não para chegar a fala. Ele começa a ligar os pontos na dúvida do que Astrid está fazendo para protegê-lo e tudo fica pior quando ele a vê conversando com o homem de boné que o perseguia na casa de Carrie.

Assim ele cria toda uma paranoia em cima de Astrid e quando ele realmente precisa dela, ele criou uma teia de problemas que acaba a levando a morte, já que a desarmou. Quando o homem vai atrás dele, não lhe resta mais espaço para fugir. A perseguição é agoniante, a morte dela é de doer, e no fim só lhe resta esconder debaixo d’água, mas e aí? Atrás de quem ele irá?

Com Peter sendo ponto chave em toda a situação Carrie e Saul tem apenas ele para lhes ajudar, mas Dar Adal conseguiu até mesmo isso, mexer na cabeça dele, mesmo que dizendo a verdade sobre as atitudes de Carrie e como ele ficou daquela forma por ela o tirar do coma.

Homeland ainda tem 4 episódios para desvendar mais de sua trama e já fico ansioso para saber o que eles irão nos presentear nessa temporada. Está mais intimista, com uma trama mais focada em política interna, mas isso não está sendo um problema e seu elenco está dando o seu melhor, como sempre.

Fico por aqui, comentem e to be continued