Em crossover entre Thundercats e He-Man importante personagem é morto

No mundo dos crossovers sempre vemos um personagem ser morto, como foi com Bruce Banner/Hulk na atual Guerra Civil II da Marvel, e o mesmo acaba de acontecer no evento que a DC Comics publica com a briga entre os personagens de Thundercats e Os Mestres do Universo, ou He-Man.

Nesta saga vemos o planeta de Eternia ser ligado a Terceira Terra e com isso os vilões se unindo para a destruição de seus inimigos. Assim temos Esqueleto e Mumm-Ra unindo forças e time para irem contra as investidas de He-Man e os Thundercats, que sempre ficaram o encalço deles.

ALERTA DE SPOILER!

Os roteiristas Lloyd Goldfine e Rob David, ao lado do artista Freddie E. Williams, tem trago histórias cheias de surpresas, com sequencias hilárias e reviravoltas usando as premissas de ambas as premissas. Caso, é que nesta rivalidade e no decorrer das coisas um personagem acaba de morrer, e este é ninguém menos que Príncipe Adam, ou melhor, He-Man!

Em entrevista a ComicBook.com, Williams comentou sobre a saga. “Para mim, o grande conceito dessa aventura é sobre poder versos responsabilidade. Há uma falha entre a liderança do Príncipe Adam e a liderança questionável de Lion-O, e vemos ali o respeito um pelo outro, e seu nível de poder. Há muita coisa nisso. Desejo que eu tivesse sido mais articulado, mas há algumas coisas que eu tive que aprender. Também há a jornada obscura por poder de Esqueleto/Mumm-Ra“.

Quando Príncipe Adam teve sua Espada do Poder cravada em seu peito, ele ainda tentou pedir pelos poderes de Greyskull, mas isso não foi possível e pelo jeito, a princípio, os planos de Esqueleto já tira He-Man da jogada. Apesar de vermos o Rei Randor entregar a Espada do Poder para Lion-O…

Ficamos ansiosos para saber o destino de Eternia e Os Mestres do Universo sem seu líder, assim como as consequências para Lion-O e seus Thundercats.

Leia mais sobre DC Comics.