DC’s Legends of Tomorrow | 3×17-18 – Guest Starring John Noble / The Good, The Bad and The Cuddly [Season Finale]

Mesmo com uma temporada bem instável em algumas tramas e demorando para engrenar com Mallus e suas intenções, DC’s Legends of Tomorrow conseguiu se reencontrar e manter seus personagens no rumo, sendo divertida e sempre brincando com a própria trama, sem se levar tão a sério. Nestes dois episódios vimos a série brincar com a presença de Barack Obama e ainda trazer John Noble em pessoa, brincando com o fato dele ter a voz de Mallus, sendo que o mesmo dubla o demônio na série.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

A forma como resolveram o anacronismo de Obama com Grodd e a utilização do Presidente para ser conselheiro e líder para Sara foi divertido, mas o anacronismo que quebraria a prisão de Mallus seria Amaya interferindo na guerra de Zambesi, e até que o destino dela foi legal. Com ela convencendo Esi a possuir o totem do espírito, ela pode salvar sua aldeia e assim fazer de Kuasa e Mary as Vixen, alternando a utilização do colar, tanto que Kuasa se une as lendas na hora de salvar o mundo.

Quando eles precisam ir para uma zona neutra, acabam indo para o Velho Oeste onde dão de cara com Jonah Rex e com o demônio chegando, só resta então trazer um grupo improvável, com Ava, Helena de Troia agora amazona de Themyscera, Jax e Kuasa como Vixen. Enquanto isso Sara, Nate, Amaya, Mick, Wally e Zari se unem para criar algo que derrotaria Mallus.

Eu quase morri de rir quando a entidade que a união deles criam seja um Beebo gigante. A destruição de Mallus foi até rápida, mas me surpreendeu os efeitos da série.

Agora é ver como todos ficarão após estes acontecimentos, já que Amaya voltou para 1942, para cumprir seu destino, o que deixa Nate um pouco perdido, mas será legal ver como ele ficará com tudo isso. Da mesma forma, Nate todo apaixonado por Nora, acaba voltando no tempo com Damien e salvando-a para ter uma segunda chance longe do demônio, e mesmo sendo presa pela agência e por Ava, acaba ganhando a pedra do tempo que era de seu pai.

Sara e Ava devem ter um relacionamento mais estável, e a diretora acaba aceitando que é um clone e deve lidar com mais problemas com os anacronismos que ficaram para traz e com os demônios surgindo. Rip se sacrificou para enviar de volta Mallus temporariamente, e sua despedida foi legal, mas não sei até onde irão manter sua morte. Mick se desfez do totem do fogo e espero que Zari tenha um desenvolvimento melhor.

DC’s Legends of Tomorrow termina já prometendo uma 4ª temporada de caçada intensa e com Gary e John Constantine juntos para atormentar as lendas, que deixaram portas abertas para chegadas de todos os tipos de demônios mitológicos para a dimensão deles. Ansioso para ver o desenrolar disso.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.