Canal Universal passa a se chamar Universal TV a partir de agosto

A partir do dia 6 de agosto, o Canal Universal passa a se chamar Universal TV, um canal para todo o tipo de personagem dentro e fora da tela. Com esse novo posicionamento, o Universal TV compartilha a paixão dos fãs pelas suas séries e personagens favoritos, vibrando com suas experiências ao se divertir e emocionar com o conteúdo do canal, que oferece narrativas envolventes e uma grande variedade de produções.

A novidade intensifica a força, o reconhecimento e o legado da marca “Universal” – que é há muito tempo sinônimo de entretenimento de qualidade – e é uma evolução do seu posicionamento que traz os personagens no centro de uma grande narrativa.

A identidade revigorada do Universal TV posiciona a nossa marca no futuro como um destino relevante e atrativo para os fãs de programação voltada aos grandes personagens”, comenta Lee Raftery, Diretor de Marketing da NBCUniversal International. “Ao fazer este investimento no UNIVERSAL, combinado com os novos conteúdos de alta qualidade que adquirimos recentemente, estamos reforçando este nosso compromisso com nossa audiência e parceiros”.

Esta mudança na marca e projeto gráfico do Universal TV reforça a nossa conexão com os fãs de séries e o compromisso de ser um canal de alta qualidade em conteúdo. É o momento de celebrar a evolução do nosso legado que leva à audiência uma variedade de personagens que contam grandes histórias”, destaca Paulo Barata, CEO da NBCUniversal Networks Brasil.

O projeto do Universal TV foi realizado conjuntamente entre o time de marketing da NBCUniversal Network, a premiada agência Red Bee, que desenvolveu o brand positioning, a nova logomarca e o conceito criativo, e o consultor de marcas Lee Hunt. O refresh contou ainda com a contribuição dos especialistas Dalton Maag (typeface e estúdio de design), Future Deluxe (que dirigiu e produziu as idents motion da marca) e Zelig Sound (responsável pela trilha e sound design)

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.