Blindspot | 3×13-14 – Warning Shot / Everlasting

Dois episódios bacanas, mas “Everlasting” foi ainda mais interessante por colocar Patterson em um looping para compreender o que precisa mudar, como desapegar das coisas e das situações para poder viver bem sua própria vida. Blindspot sabe brincar com seus personagens, mas a série só tem eles a seu favor, no mais fica devendo um pouco em suas tramas.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Warning Shot” trouxe de volta Nas e a trama só serviu para ela roubar um artefato que poderia ser o vírus mais mortal do século e com isso ela conseguir barganhar o seu retorno a um cargo na Segurança Nacional. Além disso foi interessante vê-la colocando Zapata contra a parede sobre os casos que estão trabalhando na CIA e que pode deixá-la muito mal vista com os amigos, e isso já vem sendo trabalhado desde o inicio da temporada, com as conversas estranhas dela com Keaton.

Gostei do episódio por colocar Rich no meio de uma investigação, mas fora isso o episódio “Everlasting“, completamente focado em Patterson foi muito mais interessante pela sua construção, mesmo que muitas vezes já vimos esse tipo de recurso em sua narrativa para trabalhar o desafio de um personagem quebrar um paradigma pessoal e mudar completamente sua mente.

Nos dois episódios temos Jane aprendendo que precisa mudar a forma que lida com Avery, principalmente agora que segredos sobre o pai dela pode vir à tona, e que Zapata e Reade precisam se olhar de outra forma. Ainda acho que dará merda a relação de Reade e Meg, mas ainda não consigo chutar como pode ser isso.

Não gostei da ideia de Borden estar vivo, mas a forma que isso foi mostrado foi legal, e Roman sendo um objeto de desejo de Patterson foi simplesmente hilário. Não gostei das cenas mais “adolescentes”, para mim a cada retorno ao loop foram perdendo a mão.

E temos também o sequestro da filha de Crawford, que a trama só serviu para mostrar que Roman está se apaixonando, e mostrar uma paisagem do Rio, já que eles foram em um jogo com Junior aqui no Brasil…

Vamos ver até onde Blindspot irá…

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.