Bio, de Carlos Gerbase, terá sessão de gala no Festival do Rio

O novo filme do diretor gaúcho Carlos Gerbase, Bio, terá uma sessão de gala no Festival do Rio em 10 de outubro. O evento, marcado para começar às 19h30m, no Cine Odeon, contará com a presença do estrelado elenco do filme, que reúne os atores Marco Ricca, Maitê Proença, Maria Fernanda Cândido, Werner Schünemann, Rosanne Mulholland, Sheron Menezzes e Bruno Torres, entre outros.

Bio chega ao Rio depois de uma aclamada passagem pelo Festival de Gramado, em que recebeu os prêmios de Melhor Filme pelo Júri Popular, Prêmio Especial do Júri pela Direção de Atores e de Melhor Desenho de Som. No longa, a história de um homem que viveu por 110 anos é narrada por meio de entrevistas com as pessoas com quem ele conviveu ao longo de sua trajetória.

Além da sessão de gala, Bio poderá ser visto durante o festival no dia 11 de outubro (quarta-feira), às 17h20m, no Reserva Cultural Niterói; e em 13 de outubro (sexta-feira), às 16h15m, no Cine Roxy.

O que aconteceria se um documentarista pudesse viajar no tempo e captar depoimentos sobre a vida de alguém ainda no calor dos acontecimentos, e não com aquele teor nostálgico de quem se recorda de fatos enterrados há muitos anos no passado? Bio responde a essa pergunta, propondo ao espectador uma narrativa fragmentada, mas muito emocional, sobre a longa e atribulada existência de um biólogo, que atravessa a segunda metade do século 20 e mergulha no século 21 com uma sede imensa de conhecimento sobre a vida em nosso planeta. Ou até fora dele.

Bio tem previsão de chegar aos cinemas no primeiro semestre de 2018.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.