Big Little Lies | 1×05 – Once Bitten

Em Big Little Lies as mentiras parecem explodir na mesma velocidade que elas são contadas. Nesse quinto episódio a produção abre as portas para caminhar até seu final de temporada criando situações novas e resolvendo as antigas mas sempre envolvendo muita discussão, muita gritaria e claro tudo embalado numa trilha sonora para lá de caprichada. Esse episódio também é claramente Emmy Tape para muitas das atrizes do elenco principal. Vamos acompanhar?

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

O plot do assassinato e quem é o assassino não foi esquecido no churrasco e finalmente deu uma avançada e isso nem foi a melhor coisa né Nicole Kidman? Estamos falando com você que atriz, que atuação que soco no estômago.

Claro que completamos nossa cartela de bingo essa semana também:

Celeste e Perry brigam ✔︎
Celeste e Perry transam ✔︎

Mas nesse episódio fomos mais longe que isso, afinal a briga entre Celeste e Perry atingiu um novo ápice. Ela está com manchas pelo corpo agora e visíveis. E a fantástica cena dela no escritório da psicóloga finalment deve abrir uma luz na cabeça da personagem. Por alguns segundos depois de pegar os filhos na escola e partir para o aeroporto achei que ela iria fugir com as crianças mas pelo visto os sentimentos dela pelo marido são mais complexos. As cenas não mostradas com sequência real e sim em flashbacks na cabeça dela foi assim uma escolha perfeita para a situação. Um ponto positivo para a direção e edição da série.

As perguntas da médica foram certeiras, pessoais e forçou a personagem a pensar na sua situação. Você tem medo dele te agredir psicologicamente? Você tem medo de morrer? Como esse abuso impacta seus filhos? Vemos Nicole Kidman atuar de uma maneira que poucas atrizes conseguem entregar.

Para as outras mães também o episódio não foi muito bem Jane tentou enfrentar novamente seu passado correndo e sonhando. Tudo isso juntando com o fato que foi chamada novamente na escola com uma acusação contra seu filho. Jane Vs Renata ainda vai ter um round 2.

Como uma vizinha comentou “Jane é tão maluca quanto as outras mães”. Mas dessa vez ela foi atrás sozinha do suspeito de ser seu agressor. Antes claro fumou um cigarrinho suspeito. E posso falar? Na review passada comentei o quão óbvio seria Perry ser o agressor?  O ator escalado para o papel é a cara do Ed, marido da Madelaine. Plot twists a vista? Temos que aguardar.

Falando em Madelaine ela ainda lida com as consequências do acidente de carro que por mais que tenha saido ilesa fisicamente mentalmente ela ficou bem perturbada. E alias descobrimos que seu caso com o Joseph foi um caaaaaso mesmo não uma coisa passageira. As motivações da personagem ainda estão bem suspeitas ainda mais depois dela soltar a frase “Eu queria ter uma arma, tem mais de uma pessoa nessa cidade que eu gostaria de atirar”! O quê?

Assim Big Little Lies nos leva ao seu começo do fim com as histórias das mães chegando em seus momentos no ápice mas pelo menos descobrimos que Jane ta viva na festa! Ficamos felizes? Tristes? O que vocês acham? Comentem aqui ou lá no meu Twitter ou do Arroba Nerd.