Big Baby, de Charles Burns, chega à DarkSide Books em abril

Do criador do clássico Black Hole, a DarkSide Books orgulhosamente apresenta outra obra-prima do horror moderno nos quadrinhos do mestre Charles Burns. Big Baby reúne quatro histórias do personagem título, apelido de Tony Delmonte, um fã dos clássicos quadrinhos de terror, revistinhas pulp e filmes B e um típico jovem dos subúrbios norte-americanos dos anos 1980.

As quatro histórias – escritas e desenhadas entre 1983 e 1992 e publicadas na revista RAW, de Art Spiegelman (autor de Maus) e Françoise Molly, em jornais semanais de forma serializada e mais tarde em livro pela Kitchen Sink Press – foram reunidas pela primeira vez em livro pela editora norte-americana Fantagraphics em 1999 e, finalmente,chegam ao Brasil.

Em “A Maldição dos Toupeiros”, Big Baby e sua curiosidade infantil são o ponto de partida para uma história que envolve um marido desconfiado de sua fiel esposa e homens toupeira que mantêm pessoas em cativeiro em uma prisão subterrânea no quintal do vizinho. “Peste Juvenil” poder ser lido como preâmbulo a Black Hole e seus jovens infectados, em um mundo às voltas com possíveis seres bizarros e alienígenas.

Clube de Sangue” se passa em um acampamento de verão, cenário perfeito e usual para histórias de fantasma e intrigas entre os adolescentes que precisam provar estarem aptos a entrarem para o clube. Como em seus melhores momentos, Burns investiga os dramas, as dores e as delícias do amadurecimento e da aceitação em um dos períodos mais conturbados na vida de qualquer pessoa.

A precisão cirúrgica do traço de Burns acrescenta uma frieza sinistra ao seu peculiar senso de humor. Junto à sua ligação afetiva com a cultura do horror em voga nos anos 1950 e 1960, algo constante em sua obra, produz em Big Baby mais uma narrativa brilhante que captura de maneira magistral o desconforto e o medo da adolescência no final do século XX.

FICHA TÉCNICA

Título: Big Baby
Autor: Charles Burns
Editora: DarkSide Books
Gênero:
 Ficção
Páginas: 112
Formato: 16 x 23 cm

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.