BGS 2019 | Se torne um Deus grego em Anthropomachy

Imagine um jogo de estratégia em tempo real numa vibe American Gods do Neil Gaiman, mas em vez dos diversos deuses, você tem algo mais focado nos deuses gregos, que por sua vez também tentam cair das graças da humanidade em pleno século 21. Esta foi a minha primeira impressão ao conhecer a história de Anthropomachy, joguinho que experimentei lá na Avenida Indie durante a Brasil Game Show 2019.

Anthropomachy é primeiro jogo da desenvolvedora Toy Box Lab que nasceu oficialmente em 2017 à partir da paixão pelo mundo dos games de seus criadores Gabrielle e Ivan. Ambos deixaram seus antigos empregos de lado para seguirem o sonho de criar jogos. E de acordo com Gabrielle, foram três anos de muito esforço, dedicação e gastando do próprio dinheiro para transformar o projeto deles em realidade.

O Jogo

O enredo de Anthropomachy o coloca no papel de um deus da mitologia grega que ao notar o ceticismo cada vez mais crescente entre os habitantes da Terra, resolve descer do Olimpo e convencer por bem ou por mal a adorarem e a reconhecerem como o seu Deus.

O game lhe dá a chance de escolher entre deuses mais poderosos como: Apollo, Ares, Artemis, Atena, Dionísio, Hades, Hefesto, Hera, Hermes, Persephone, Poseidon, Zeus e deuses menores: Aeolus, Eris, Hebe, Hecate, Mnemosyne, Morfeus, Nemesis, Thalassa, Themis. Cada um destes deuses tem habilidades únicas e que são fiéis a mitologia grega mas com um leve banho de século XXI.

Com o seu deus e seus atributos iniciais escolhidos você tem como objetivo conquistar o coração dos habitantes da Terra. E quanto mais pessoas acreditando e reverenciando você, isto é, quanto mais fé eles tem em você, mais poder você pode adquirir.

E com grandes poderes, surgem grandes responsabilidades. Afinal, você vai conquistar aqueles países mais céticos usando de sua benevolência ou vai agir de forma mais cruel e assim os conquistar através do medo?

Independente do rumo que você resolver tomar, se prepare para eventos que ocorrem durante o jogo e que podem afetar os seus planos. E este é um diferencial bem legal de Anthropomachy, já que os eventos buscam ser realistas e fiéis a realidade do mundo em que vivemos. De acordo com Ivan, CEO da Toy Box Lab, as informações e atributos de cada país do jogo são baseado em dados reais para deixar o jogo ainda mais imersivo.

Elon Musk, é você meu filho?!

E se você não pensar bem antes de tomar uma decisão e o ceticismo aumentar, as coisas podem complicar para o seu lado. Entretanto se você conseguir converter mais de 50% dos seres humanos, as suas chances de converter até os mais céticos pode aumentar. Portanto pensar antes de agir funciona até para os Deuses!

Anthropomachy é um jogo de estratégia que lhe permite rejogabilidade e que considero muito bem elaborado pelo número reduzido de sua equipe (apenas 2 pessoas).

Se fosse para comparar com algo eu diria que o mesmo me faz lembrar de jogos como Plague Inc e até o clássico War.

Anthropomachy da Toy Box Lab já está disponível para PC através da plataforma Steam, clique aqui para visitar a página do jogo.

Erick Cartman

Meu nome é Erick ( @Erick_Cartman ), cursei Administração e atualmente faço Licenciatura em Letras e Inglês. Sou um cara comum que gosta de passar o tempo livre conferindo animes, filmes, games, HQ's, kdramas, livros, séries e coisas relacionadas. Se quiser me segue lá no Twitter para trocar uma ideia ou jogar conversa fora.