Arrow | 8×03 – Leap of Faith

Depois de 2 episódios bem interessante, este 3º episódio da última temporada de Arrow foi bem morno. Foi legal da parte de colocar Thea de volta à vida de Oliver e nos situar de sua vida destruindo os Poços de Lázaro, pois o futuro ainda continua bem insosso e com uma virada que eu não esperava.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Oliver precisava de informações sobre o Monitor e indo até Nanda Parbat ele poderia conseguir isso, pois os Ra’s Al Ghul é uma entidade milenar que guarda todas as informações necessárias, assim ele encontra Thea no caminho, e tem umas conversas bem interessantes com a irmã, a situando do que pode ocorrer com o multiverso.

Fora isso, a série voltou a nos lembrar de Athena e Thalia Al Ghul, e tudo que houve com a Liga dos Assassinos. Só que no fim das contas o que vemos é Thalia sendo perdoada e ao lado de Thea começar a ideia de criarem a Liga dos Heróis, com o objetivo de limpar o mal que já causaram.

Thea some de cena, mas deixa uma sensação interessante sobre o que pode vir para ela em outras produções.

Ainda tivemos Lyla tendo bons momentos com John para nos deixar bem claro que ela é bem apaixonado pelo Espartano e a gente fica com a cabeça imaginando a reação dele ao descobrir a ligação de sua amada com Monitor e sua missão como a Precursora.

E por fim temos Connor traindo novamente Mia e o que vemos é William escapar da emboscada dos Exterminadores, mas enquanto Connor se preocupa com o irmão, Mia vê John Junior matar Zoe na sua frente.

O problema é que quando eles estão desesperados com o ocorrido, um clarão quase os cegam para do nada eles aparecerem no bunker do Time Arqueiro, ao lado de Oliver, Dinah, Rene e John… E nenhum deles sabem o que aconteceu.

Arrow deve situar os personagens do futuro neste presente, pois o futuro deles deve mudar muito com os efeitos da Crise nas Infinitas Terras, e essa é uma forma de aproveitar alguns dos personagens.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.