American Horror Story: 1984 | 9×02 – Mr. Jingles

E nada empolgante ainda… American Horror Story: 1984 chega ao seu 2º episódio ainda apresentando seus personagens e vilões, deixando mistérios sobre quem pode estar envolvido na ascensão de Mr. Jingles, que mesmo tendo o nome do episódio, não entrega muita coisa.

ALERTA DE SPOILER: Este artigo contém informações sobre os principais acontecimentos do episódio. Continue a ler por sua conta e risco.

Único momento tenso para Mr. Jingles é ele encontrando com a terapeuta Dra. Karen do asilo e matando-a reiterando que ele tem problemas. A terapeuta foi ao acampamento para avisar Margaret de que Jingles está a solta e que ele tem um enorme fascínio por ela.

Quando ela encontra Joseph, fica meio que na cara de que ela tem um fascínio também pelo obscurantismo, e quando ele conta sobre Jonas e como ele matou o adolescente 2 vezes, fica ainda mais estranha a sensação para cima dela. E o encontro dela com o amigo também deixa as coisas no ar, já que ele lembra de vê-la em sangue e depois ele correndo, mas não lembra de mais nada.

Será que Margaret tem uma ligação que vai além da tentativa de morte com Jingles?

Durante o episódio Brooke tenta convencer as pessoas de que há algo errado no acampamento, mas ninguém acredita nela. Ela então conta a Montana que seu noivo também duvidava dela e que em momento de raiva e ciúmes matou seu pai e seu melhor amigo durante o casamento.

O episódio acaba mostrando mais de Ramirez, que deixa claro a Blake de que ele é hétero, só fez um vídeo gay para deslanchar em sua carreira, como alguns atores no início de carreira nos anos 1980. Ele então leva Blake para observar o banheiro dos meninos, e enquanto ele se delicia com os garotos, Mr. Jingles o mata, o que faz todos se assustarem com o que tem acontecido por ali.

American Horror Story: 1984 então volta a nos mostrar os execessos que irá seguir, mas é uma clara referência a todos os filmes slashers dos anos 1980 e isso é delicioso, só que a série também precisa trabalhar melhor sua trama.

Dan Artimos

Sou formado em Sistemas de Informações, e amante de televisão. Trabalho, leio bastante, estudo, vou a cinemas, parques e corro (ultrapassada a meta pessoal dos 21km), e ainda assim vejo séries e escrevo sobre elas. Sim, nem eu sei como consigo fazer a organização de minha agenda no meio de tantas nerdices.